Busca

Vatican News
A Virgem Maria com o Menino Jesus - representação iconográfica de Nossa Senhora do Bom Conselho A Virgem Maria com o Menino Jesus - representação iconográfica de Nossa Senhora do Bom Conselho 

Dom Petrini: piedade popular marcada por forte devoção mariana

Ao tratar da piedade popular na Diocese de Camaçari - BA, Dom Petrini nos fala de uma religiosidade em que a fé é vivida de modo muito simples, cujos traços característicos são fortemente marcados pela devoção à Virgem Maria. Ele nos diz que se procura valorizar essa espiritualidade popular, mas buscando conduzi-la a uma profundidade maior para se chegar a Cristo nosso Redentor

Raimundo de Lima - Cidade do Vaticano

Amigo ouvinte, o bispo da Diocese de Camaçari – BA, Dom João Carlos Petrini, continua trazendo-nos neste espaço um pouco da realidade eclesial de sua diocese. Na edição de hoje nosso convidado volta seu olhar para um dos aspectos mais característicos da fé de nossos povos latino-americanos: a piedade popular ou religiosidade popular, também chamada na Conferência de Aparecida – realizada em maio de 2007 – de espiritualidade popular.

Cristo Redentor, Aquele que vence o mal e a morte

Ao trazer-nos um pouco desta realidade no que diz respeito à Igreja particular de Camaçari, Dom Petrini nos fala de inicialmente da proveniência das pessoas que hoje formam suas comunidades, pessoas que vêm de uma vida religiosa católica bastante séria que girava em torno de uma devoção a algum Santo, Nossa Senhora ou mesmo São Francisco de Assis, celebrações de novenas ou tríduos.

 

Fala-nos de uma religiosidade popular em que a fé é vivida de modo muito simples, cujos traços característicos são fortemente marcados pela devoção à Virgem Maria: oração do Terço, Terço durante o mês de maio, Terço em família.

Nosso entrevistado diz-nos que se procura valorizar essa espiritualidade popular, mas buscando conduzi-la a uma profundidade maior para se chegar a Cristo nosso Redentor, Aquele que vence o mal e a morte. Vamos ouvir (ouça na íntegra clicando acima).

24 maio 2019, 17:22