Busca

Vatican News

Ciclismo: colombiano, campeão do Giro d’Italia 2021, encontra o Papa no Vaticano

Ao final da Audiência Geral desta quarta-feira (16), Egan Arley Bernal Gómez, vencedor deste ano de uma das provas mais tradicionais do ciclismo mundial, encontrou Francisco. O colombiano presenteou o Pontífice, em nome de todo o povo do seu país, uma bicicleta e a “maglia rosa” – a camiseta rosa usada pelo líder da classificação geral de uma competição da modalidade, sendo a mais famosa, justamente aquela do Giro d’Italia.

Andressa Collet - Vatican News

"Sou católico", disse Egan Arley Bernal Gómez enquanto se dirigia aos jornalistas que o rodeavam na manhã desta quarta-feira (16), na Praça São Pedro, ao acrescentar: "e antes das etapas mais difíceis, eu rezo". Após vencer o Tour de France de 2019, ele se tornou o primeiro ciclista colombiano a alcançar os títulos de duas das três principais voltas do ciclismo mundial, faltando apenas a da Espanha para completar a “tríplice coroa”.

Encontro com o Papa: a vitória mais importante

Bernal, porém, de apenas 24 anos, ao descrever o seu encontro com o Papa Francisco ao final da Audiência Geral no Vaticano, afirmou que foi “a experiência mais importante para mim, mais importante do que o Tour de France e o Giro d'Italia. Estou muito feliz”. Ele contou ainda, ao Vatican News, que ao cumprimentar o Pontífice, junto com a sua namorada Maria Fernanda Motas, Francisco “quase começou a brincar. Ele me perguntou quantos cafés eu tomo antes de subir na bicicleta. Em seguida, dei a bicicleta e a ‘maglia rosa’”, disse ele. A camiseta rosa é usada pelo líder da classificação geral de uma competição da modalidade, sendo a mais famosa, justamente aquela do Giro d’Italia.

Após 21 etapas, o colombiano venceu o Giro d’Italia deste ano, uma das provas mais tradicionais do ciclismo mundial, no final do mês de maio. Bernal terminou a última etapa no dia 30, entre Senago e Milão, em 35m41s, tempo suficiente para se manter na frente do italiano Damiano Caruso.

Presentes da Colômbia ao Papa

Os presentes ao Pontífice, segundo Bernal, foram dados em nome de todo o povo do seu país: o ciclista disse que, “neste momento, nós, colombianos, precisamos de uma bênção do Papa”.

16 junho 2021, 14:21