Busca

Vatican News
Ação da Cáritas Internacional Ação da Cáritas Internacional 

Pós-pandemia: dignidade, informação e fraternidade

"O sentimento de pertencer a uma única família humana permite tanto o compromisso coletivo quanto o pessoal". Tema desenvolvido no seminário sobre a pós-pandemia organizado pelo Dicastério para o Serviço do Desenvolvimento Humano Integral e a Mídia do Vaticano .

Emanuela Campanile – Vatican News

Compartilhar informações, mas também "preparar um pensamento comum" para construir o futuro pós-pandemia. Formular um tema chave que possa ser compartilhado com toda a humanidade, partindo do pressuposto de que, como sustenta o Papa Francisco, tudo está conectado. Na linha de frente destes objetivos encontra-se o Dicastério para o Serviço Humano Integral e Comissão Vaticana Covid-19, instituída pelo Papa no mês de março. No evento desta terça-feira (09) estavam presentes o cardeal Peter Turkson, prefeito do Dicastério, Dom Segundo Tejado Muñoz, segundo secretário e Aloysius John, secretário-geral da Cáritas Internacional.

Três metas fundamentais

A pandemia é um evento mundial que tem perturbado o já precário equilíbrio da geopolítica internacional, envolvendo todas as realidades e setores. A partir deste cenário a Igreja se sente ainda mais chamada a agir nos cinco continentes através de uma ação que seja o mais capilar possível e capaz de atingir as realidades mais pobres. Para isso é fundamental a ação da Cáritas que, ao lado das Igrejas locais, promove projetos de ajuda. Primeiro objetivo, restaurar a dignidade, fornecendo alimentos e benefícios à saúde, também produtos de higiene. Em seguida, as informações necessárias para tentar conter o vírus. A meta a ser alcançada e ao mesmo tempo o vínculo a ser fortalecido é a fraternidade. O sentimento de pertencer a uma única família humana que permite tanto o compromisso coletivo quanto o compromisso pessoal.

Nos passos de Bento XVI

"Encontrei uma conexão entre Bento XVI e o Papa Francisco - diz o Cardeal Turkson em uma entrevista ao Vatican News - Bento XVI, em seu discurso sobre esperança, diz que falar de esperança significa falar do futuro e não se pode falar do futuro sem falar de Deus", o que inevitavelmente leva a falar do Homem. A partir desta premissa, a ação das Igrejas locais e de suas respectivas Cáritas nos cinco continentes se desdobra em: "Dignidade, informação e fraternidade"

A Comissão Vaticana COVID-19

Em 20 de março de 2020, o Papa Francisco pediu ao Dicastério para o Desenvolvimento Humano Integral que criasse uma Comissão, em colaboração com outros Dicastérios da Cúria Romana e outras instituições, para expressar a preocupação e o amor da Igreja por toda a família humana diante da pandemia da COVID-19, especialmente através da análise e reflexão sobre os desafios sócio-econômicos e culturais do futuro e a proposta de diretrizes para enfrentá-los.

10 junho 2020, 11:12