Busca

Vatican News
A identidade do evento para se fazer uma economia diferente A identidade do evento para se fazer uma economia diferente 

Economia de Francisco: mais de 500 pedidos para participar do evento de 2020, em Assis

São empreendedores e estudantes de até 35 anos que pretendem participar dos três dias de encontro internacional na Itália. Os pedidos vieram de mais de 45 países entre os quais, Brasil, Angola, Portugal, Cuba, Japão, Arábia Saudita e Estados Unidos. Em poucos meses, o site www.francescoeconomy.org já alcançou 2 mil inscritos.

Andressa Collet– Cidade do Vaticano

Ouça a reportagem e compartilhe

Jovens economistas, empresários, doutorandos e pesquisadores de até 35 anos vão se reunir por três dias em Assis, cidade da região da Úmbria, na Itália, em março de 2020, para tratar de uma economia que inclui e não exclui. O evento intitulado “Economy of Francesco. Os jovens, um pacto, o futuro”, de 26 a 28 de março, já recebeu a adesão de 500 jovens. Os pedidos vieram de mais de 45 países entre os quais, Brasil, Angola, Portugal, Cuba, Japão, Arábia Saudita e Estados Unidos. Em poucos meses, o site www.francescoeconomy.org já alcançou 2 mil inscritos.

A economia e o desejo de Francisco

A iniciativa – de fazer um pacto com os jovens para uma economia diferente – foi lançada ainda em maio, com a publicação da carta de apelo do Papa Francisco dirigida ao grupo de jovens empreendedores do mundo. No texto, o Pontífice pede aos jovens para “juntos se conhecerem” e, depois, “fazerem um ‘pacto’ para mudar a economia atual e dar uma alma à economia de amanhã”.

O Papa, inclusive, deverá participar durante um dia do evento em Assis e, provavelmente, na conclusão dos trabalhos, no dia 28 de março. Confirmando a sua participação, seria a quarta vez de Francisco em Assis.

Ao evento em Assis, já confirmaram presença personalidades como Muhammad Yunus, economista bengalês e Prêmio Nobel da Paz de 2006; Amartya Sen, Prêmio Nobel da Economia de 1998; e Carlo Petrini, sociólogo e ativista italiano, fundador da Associação Slow Food.

Trabalhos que antecedem evento internacional

Em preparação ao encontro internacional em Assis, os jovens irão realizar workshops, laboratórios, seminários de estudos e conferências nas suas próprias realidades para fazer emergir o pensamento e o novo agir econômico. As iniciativas, em diferentes partes do mundo, podem ser comunicadas ao site oficial do evento para serem inseridas na programação, como já constam as ações na Itália, na Espanha e em Camarões. Todas as informações e novidades serão disponibilizadas no site e nos canais sociais oficiais do evento no Facebook, Instagram, Twitter, YouTube e Flickr.

No site oficial, ainda é possível solicitar bolsa de estudos para favorecer jovens da África e Ásia; e fazer doações simples ou se tornar parceiro para facilitar a participação de jovens provenientes de áreas ou situações vulneráveis.

Os jovens da Economia de Francisco
23 agosto 2019, 09:57