Versão Beta

Cerca

Vatican News
A Santa Sé instituirá em 8 de dezembro de 2018 o organismo que constituirá um novo e único serviço internacional para a corrente de graça que é a Renovação Carismática Católica. A Santa Sé instituirá em 8 de dezembro de 2018 o organismo que constituirá um novo e único serviço internacional para a corrente de graça que é a Renovação Carismática Católica.   (Vatican Media)

Charis, o novo e único serviço internacional para a RCC

CHARIS é um novo corpo de serviço internacional para todas as expressões da corrente de graça que a Renovação Carismática é. CHARIS não é uma associação de fiéis ou uma federação de associações. É um serviço oferecido a todas as realidades carismáticas existentes.

Cidade do Vaticano

O Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida faz saber que em 8 de dezembro de 2018 a Santa Sé instituirá um organismo que constituirá um novo e único serviço internacional para a corrente de graça que é a Renovação Carismática Católica.

Na mesma data, o estatuto deste organismo será aprovado por um período ad experimentum. Este único serviço, desejado em várias ocasiões pelo Santo Padre Francisco, assumirá o nome de CHARIS e pretende a realizar o seu trabalho em benefício de todas as expressões da Renovação Carismática Católica. A palavra é grega e significa "graça" e "carisma

Como um organismo a serviço de todas as realidades da Renovação Carismática Católica, CHARIS não exercerá nenhuma autoridade sobre ela. Cada realidade carismática permanecerá aquilo que é, no pleno respeito de sua identidade, e permanecerá sob a jurisdição da autoridade eclesiástica da qual depende. Cada uma, no entanto, poderá valer-se livremente, para o cumprimento de sua missão, de todos os serviços que a CHARIS proporcionará, objetivo fundamental proposto pelo novo organismo.

Após a instituição da CHARIS e a aprovação de seu estatuto por um período ad experimentum, o Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida procederá à nomeação do Moderador, dos dezoito membros do Serviço Internacional de Comunhão e do Assistente Eclesiástico para um primeiro mandato de três anos. Foram designados para tais nomeações:

Moderador: Prof. Jean-Luc Moens (Bélgica)

Membros do Serviço da Comunhão Internacional:

 

1. América do Norte e Caribe (Inglês):

Dom Peter Leslie Smith (Estados Unidos)

2. América do Norte e Caribe (espanhol):

Sr. Andrés Arango (Estados Unidos)

3. América Central:

María Eugenia de Góngora (Guatemala)

4. América do Sul (espanhol)

Sr. Pino Scafuro (Argentina)

5. América do Sul (Português):

Sra Gabriella Marcia da Rocha Días (Brasil)

6. Ásia:

Sr. Cyril John (Índia)

7. Ásia:

Irmão James Shin San-Hyun (Coreia do Sul)

8. África (francês):

Sr. Jean-Christophe Sakiti (Togo)

9. África (Inglês):

Sr. Fred Mawanda (Uganda)

10. Europa:

Sr. Paolo Maino (Itália)

11. Europa:

Diácono Etienne Mellot (França)

12. Oceania:

Sr. Shayne Bennett (Austrália)

13. Vários ministérios da Renovação Carismática Católica:

Sr. José Prado Flores (México)

14. Sacerdote  ou religioso carismático:

Rev. Etienne Vetö (Estados Unidos)

15. Comunidade:

Sr. Jean Barbara (Líbano)

16. Comunidade:

Diácono Johannes Fichtenbauer (Áustria)

17. Associações de fiéis com reconhecimento da Santa Sé:

Sr. François Prouteau (França)

18. Jovem com menos de 30 anos:

Giulia Rancan (Itália)

Assistente Eclesiástico: Rev. P. Raniero Cantalamessa, O.F.M. Cap. (Itália)

As pessoas acima mencionadas assumirão suas funções na solenidade de Pentecostes de 2019, o dia em que o estatuto da CHARIS entrará em vigor. A partir daquele momento, o Serviço Internacional da Renovação Carismática Católica e a Fraternidade Católica das Comunidades e Associações Carismáticas de Aliança deixarão de existir. Os bens desses dois órgãos devem ser transferidos para CHARIS, a fim de proporcionar a este novo organismo os recursos financeiros necessários para realizar a missão desejada pelo Santo Padre.

A RCC preparou um subsídio com perguntas e respostas sobre o novo organismo, que pode ser consultado no link: https://is.gd/EK7P9x

Ouça e compartilhe!
02 novembro 2018, 10:08