Versão Beta

Cerca

Vatican News
Jovens auditores no Sínodo Jovens auditores no Sínodo 

Sínodo: o Papa entrega o Docat aos jovens auditores

Na tarde desta quarta-feira, 24 de outuro, prosseguiram os trabalhos dos Padres sinodais para a elaboração do esboço do documento final do Sínodo sobre os jovens. O Papa entregou aos jovens auditores um exemplar do Docat, o livro que apresenta a Doutrina Social da Igreja numa linguagem jovem e dinâmica. Hoje está programada uma peregrinação dos Padres Sinodais e auditores na Via Francígena

Cidade do Vaticano

A 19ª congregação geral do Sínodo dos Bispos dedicada aos jovens, teve início na manhã de quarta-feira 24 de outubro e prosseguiu na parte da tarde com os trabalhos dos Padres para a elaboração do esboço do Documento final. Os participantes tiveram a possibilidade de tomar a palavra e entregar por escrito à Secretaria do Sínodo suas observações. Estas serão colocadas no texto definitivo pelo relator geral, Cardeal Sérgio da Rocha e pelos secretários especiais, os padres Giacomo Costa e Rossano Sala, coadjuvante dos especialistas.

Francisco entrega o Docat aos jovens auditores

A Sala do Sínodo teve um particular momento de festa quando o Papa entregou a todos os jovens auditores um exemplar do Docat: o livro que apresenta a Doutrina Social da Igreja numa linguagem jovem e dinâmica. O material foi desenvolvido com base em importantes documentos da Igreja desde Leão XIII até o atual pontificado do Papa Francisco, ele mesmo no prefácio, nos diz que “é um manual de instruções que nos ajuda, com o Evangelho, em primeiro lugar, a transformarmo-nos a nós mesmos, depois a transformarmos o nosso ambiente mais próximo e, por fim, o mundo inteiro”.

O sonho do Papa é que esta mudança aconteça pelas mãos dos jovens. “Eu espero que um milhão de jovens, mais ainda, que uma geração inteira seja, para os seus contemporâneos, uma Doutrina Social em movimento”, diz Francisco.

Hoje a peregrinação dos Padres Sinodais na Via Francígena: 300 inscritos

A próxima congregação geral, a 20ª será realizada na tarde de sexta-feira (26) logo depois da reunião da Comissão para a redação do documento final: os presentes serão chamados para eleger os membros do XV Conselho Ordinário do Sínodo dos Bispos.

No entanto, nesta quinta-feira (25) os padres Sinodais participarão junto com os auditores do Sínodo e os jovens das paróquias romanas a uma paregrinação de 6 quilômetros até o túmulo de São Pedro, percorrendo a Via Francígena. A peregrinação partirá do Parque de Monte Mario (bairro de Roma) e seguirá até a Basílica do Vaticano, onde será celebrada uma missa junto ao túmulo de Pedro com a presença do Papa, presidida pelo cardeal Lorenzo Baldisseri, secretário geral do Sínodo dos Bispos.

Ouça e compartilhe

 

 

25 outubro 2018, 08:53