Busca

Vatican News

O Papa: encontrar soluções para o retorno da paz no Iêmen

Francisco recordou a escalada da violência no Iêmen, que está causando numerosas vítimas inocentes, e pediu orações para todas as pessoas sequestradas na Nigéria.

Mariangela Jaguraba - Vatican News

Após a oração mariana do Angelus, rezada na Biblioteca do Palácio Apostólico, nesta sexta-feira (1º/01), o Papa Francisco fez votos de paz e serenidade no Ano Novo a todos os que o acompanharam pelos meios de comunicação.

Ouça e compartilhe

Agradeceu ao presidente da República Italiana, Sergio Mattarella, pelas felicitações a ele dirigidas em sua mensagem de fim de ano, às quais retribuiu cordialmente.

O Papa recorda as crianças do Iêmen

Francisco agradeceu “a todos aqueles que em todas as partes do mundo, respeitando as restrições impostas pela pandemia, promoveram momentos de oração e reflexão por ocasião do Dia Mundial da Paz celebrado hoje”. A este propósito, recordou a Marcha Virtual realizada na tarde de quinta-feira (31/12), organizada pelo Episcopado italiano, Pax Christi, Caritas e Ação Católica, e a Marcha Virtual desta manhã, promovida pela Comunidade de Santo Egídio em streaming mundial. “Obrigado a todos vocês por estas e muitas outras iniciativas em favor da reconciliação e da concórdia entre os povos”, disse o Papa, acrescentando:

Neste contexto, expresso minha tristeza e preocupação com a escalada da violência no Iêmen, que está causando numerosas vítimas inocentes, e rezo para que sejam feitos esforços para encontrar soluções que permitam o retorno da paz a esses povos martirizados. Irmãos e irmãs, pensemos nas crianças do Iêmen! Sem instrução, sem medicamentos e famintas. Rezemos juntos pelo Iêmen.

Oração pela Arquidiocese de Owerri

A seguir, o Pontífice fez o seguinte apelo:  

Convido-os também a se unirem à oração da Arquidiocese de Owerri, na Nigéria, pelo Bispo Moses Chikwe e seu motorista, que foram sequestrados dias atrás. Pedimos ao Senhor que eles e todos aqueles que são vítimas de tais atos na Nigéria possam retornar incólumes à liberdade e que esse querido país possa reencontrar segurança, concórdia e paz.

A seguir, Francisco saudou os Sternsinger, os “Cantores da Estrela”, crianças e jovens que na Alemanha e na Áustria, embora não possam visitar as famílias em suas casas, encontraram uma maneira de levar-lhes o alegre anúncio do Natal e recolher doações pra seus coetâneos necessitados.

Por fim, desejou a todos um ano de paz e esperança, com a proteção de Maria, a Santa Mãe de Deus, e pediu aos fiéis para não se esquecerem de rezar por ele.

01 janeiro 2021, 13:35