Busca

Vatican News

Papa no Angelus: a oração é condição indispensável para a missão

A oração, aquela "fervorosa e incessante, segundo o ensinamento de Jesus", é indispensável para os missionários do Evangelho, disse o Papa Francisco na alocução que precedeu a Oração Mariana do Angelus neste domingo (20), na Praça São Pedro.

Andressa Collet – Cidade do Vaticano

Ouça a reportagem com a voz do Papa

A mensagem do Papa Francisco que precedeu a Oração Mariana do Angelus deste domingo (20), Dia Mundial das Missões, assim como a homilia na Santa Missa durante a manhã na Basílica de São Pedro, insistiu no comprometimento em anunciar a Palavra. Por ocasião especial da data que recorda milhares de missionários atuando no mundo, o Pontífice exortou “que todo batizado tome uma viva consciência da necessidade de cooperar no anúncio do Reino de Deus por meio de um compromisso renovado”.

Essa responsabilidade missionária de toda a Igreja foi enfatizada inclusive 100 anos atrás, lembrou Francisco, com a Carta Apostólica Maximum Illud do Papa Bento XV. O documento tinha o objetivo de “requalificar evangelicamente a missão no mundo”.

“No contexto transformado de hoje, a mensagem de Bento XV é ainda atual e nos estimula a superar a tentação de qualquer fechamento autorreferencial e de toda forma de pessimismo pastoral para nos abrirmos à alegre novidade do Evangelho. Em nosso tempo, marcado por uma globalização que deveria ser solidária e respeitosa com a particularidade dos povos e que, ao invés disso, sofre ainda da homologação e dos velhos conflitos de poder que alimentam guerras e arruínam o planeta, nesse tempo que é assim, os crentes são chamados a levar a todos os lugares, com novo ímpeto, a boa nova de que em Jesus a misericórdia vence o pecado, a esperança vence o medo, a fraternidade vence a hostilidade. Cristo é a nossa paz e n’Ele toda divisão é superada, n’Ele só tem a salvação de todo homem e de todo povo.”

Eu rezo para os missionários?

O Papa continuou encorajando os missionários do Evangelho e finalizou:

“ Para viver em plenitude a missão, há uma condição indispensável: a oração, uma oração fervorosa e incessante, segundo o ensinamento de Jesus proclamado também no Evangelho de hoje, em que ele conta uma parábola «sobre a necessidade de rezar sempre, sem nunca se cansar" (Lc 18: 1). Hoje também é uma boa oportunidade para nos perguntar: eu rezo para os missionários? Rezo por aqueles que vão para longe levar a Palavra de Deus com o testemunho? Vamos pensar. ”

20 outubro 2019, 12:41