Cerca

Vatican News

Há 50 anos o homem pousa na Lua: “O voo mais ousado"

Na ocasião, Paulo VI abençoou o empreendimento dos três astronautas norte-americanos ao assistir pela televisão o pouso da nave espacial na Lua. Em sua mensagem, o Papa elevou um verdadeiro hino de ação de graças.

Cidade do Vaticano

No dia 20 de julho de 1969, três homens desafiam, com sucesso, o mundo desconhecido da Lua e fazem da terra um "limiar aberto aos espaços sem fronteiras e novos confins".

Na ocasião, Paulo VI abençoou o empreendimento dos três astronautas norte-americanos ao assistir pela televisão o pouso da nave espacial na Lua. Em sua Mensagem, o Papa elevou um verdadeiro hino de ação de graças:

"Glória a Deus no alto dos Céus e paz na terra aos homens de boa vontade! Honra a vocês homens, artífices do grande empreendimento espacial”!

Com estas palavras, o Papa Paulo VI exulta, do Observatório do Vaticano, e eleva um hino de louvor ao Deus Criador do Céu e da Terra. “The Eagle has landed” (a “Águia aterrissou”), anunciam estupefatos os profissionais da NASA ao mundo inteiro.

Papa Paulo VI vendo na televisão o pouso lunar
Papa Paulo VI vendo na televisão o pouso lunar

O primeiro dos três astronautas a colocar os pés em solo lunar foi Neil Armstrong, comandante da expedição lunar. O jovem de Ohio, se tornou "o primeiro homem a pisar na Lua”, seguido por Edward Aldrin, de New Jersey, o segundo a realizar o impossível, 19 minutos depois do seu comandante.

De fato, ao contemplar em silêncio tamanha proeza, Aldrin exclamou: “Este é um pequeno passo para um homem, mas um grande salto para a humanidade”, diante de uma “magnífica desolação”. Esta foi a sensação também do terceiro astronauta, Michael Collins, que exclamou: “Tudo isso foi possível graças ao suor, sangue e lágrimas de tantas pessoas”.

Ouça a reportagem

Entre todos os três participantes da odisseia espacial, Aldrin parece ter sido o mais introspectivo, ao cruzar um limiar impensável. De fato, a primeira coisa que lhe veio em mente naquele momento, foi o versículo do Salmo 19: “Os céus proclamam a glória de Deus e o firmamento anuncia as obras das suas mãos”!

Enfim, a estes três intrépidos astronautas, que há 50 anos conquistaram a Lua, Paulo VI dirige sua saudação: “Honra, congratulação e bênção a vocês, conquistadores da Lua, luz pálida das nossas noites e dos nossos sonhos!"

Agradecemos à RAI pelas imagens de Paulo VI que olha o pouso na lua. Veja as imagens no link abaixo. 

http://www.teche.rai.it/techecustomer/paolo-vi/fmt/iframe0/

 

20 julho 2019, 12:30