Cerca

Vatican News
Santa Missa na Catedral latina de São José, Bucareste Santa Missa na Catedral latina de São José, Bucareste 

O Papa na Romênia: o programa da viagem

Divulgado nesta segunda-feira pela Sala de Imprensa vaticana o programa oficial da viagem apostólica de Francisco à Romênia, que tem início no dia 31 de maio e termina no dia 2 de junho. Na tarde de hoje, em Bucareste, a conferência de imprensa de apresentação organizada pela Comissão Eclesial encarregada de acompanhar a visita.

Gabriella Ceraso - Cidade do Vaticano

"Caminhemos juntos" é o lema da próxima viagem apostólica de três dias que o Papa fará à Romênia, em resposta ao convite da Presidência da República do país, das autoridades do Estado e da Igreja Católica da Romênia. Estão previstas quatro etapas: Bucareste, Iași, Șumuleu-Ciuc e Blaj.

A chegada de Francisco a Bucareste está prevista para as 11h30 do dia 31 de maio, ao Aeroporto Internacional Henri Coandă-Otopeni, onde receberá a acolhida oficial antes de se transferir para o Palácio Cotroceni onde será realizada a habitual cerimônia de boas-vindas e a visita de cortesia ao Presidente da Romênia e ao Primeiro-ministro. Nesta sede, o Santo Padre fará o primeiro discurso dirigido às autoridades, à sociedade civil e ao corpo diplomático antes da pausa do almoço.

A tarde será dedicada aos encontros religiosos. Primeiro entre todos, o encontro privado com o Patriarca Daniel, no Palácio do Patriarcado, e depois com o Sínodo permanente da Igreja Ortodoxa Romena, no qual está previsto um segundo discurso do Pontífice. Em seguida, a oração do Pai Nosso na nova Catedral Ortodoxa e a celebração da Santa Missa entre os católicos na Catedral de São José.

A segunda etapa de Francisco, no dia 1º de junho, será em Bacau, de onde chegará ao santuário de Sumuleu-Ciuc para a Santa Missa, e depois, novamente de helicóptero, a transferência para a Catedral de Santa Maria Rainha de Iași e ali o encontro mariano com jovens e famílias na praça em frente ao Palácio da Cultura. À noite, o regresso a Bucareste.

No último dia da viagem à Romênia, domingo, 2 de junho, a etapa do Papa Francisco será em Blaj para a Divina Liturgia com a Beatificação dos 7 Bispos Greco-Católicos Mártires no Campo da Liberdade e, na conclusão, a recitação do Regina Coeli. Depois do almoço, Francisco saudará a comunidade nômade de Blaj e depois se dirigirá ao aeroporto de Sibiu para a despedida e o retorno a Roma.

Uma visita, portanto, principalmente pastoral que não deixará de tocar as regiões históricas do país e terá o seu ápice espiritual e cultural na beatificação dos mártires do comunismo no dia de domingo. Na coletiva de imprensa da Comissão Eclesial, organizada nesta tarde de segunda-feira em Bucareste, houve também a apresentação de várias iniciativas pastorais e logísticas lançadas nesta ocasião pela Igreja Católica na Romênia.

25 março 2019, 16:24