Cerca

Vatican News
Papa Francisco durante encontro com o Presidente palestino Abu Mazen Papa Francisco durante encontro com o Presidente palestino Abu Mazen  (ANSA)

Papa recebe Presidente Abu Mazen: relançar processo de paz palestino-israelense

Foi também dada atenção particular ao status de Jerusalém, ressaltando a importância de reconhecer e preservar sua identidade e valor universal de Cidade Santa para as três religiões abraâmicas. Falou-se ainda sobre outros conflitos que afligem o Oriente Médio.

Cidade do Vaticano

“A urgência em favorecer percursos de paz e de diálogo, com a contribuição das comunidades religiosas, para combater toda forma de extremismo e de fundamentalismo” esteve entre os temas no centro do encontro do Papa, na manhã desta segunda-feira (03/12), no Vaticano,  com o presidente do Estado da Palestina, Abu Mazen (Mahmoud Abbas), o qual, sucessivamente, entrevistou-se com o secretário das Relações com os Estados, Dom Paul Richard Gallagher.

Boas relações entre a Santa Sé e a Palestina

Segundo comunicado da Sala de Imprensa da Santa Sé, durante os cordiais colóquios foram relevadas as boas relações entre a Santa Sé e a Palestina e o papel positivo dos cristãos e da atividade da Igreja na sociedade palestina, sancionada pelo Acordo global de 2015.

Em seguida, detiveram-se sobre o caminho de reconciliação no seio do povo palestino, bem como sobre os esforços para reativar o processo de paz entre israelenses e palestinos e alcançar a solução dos dois Estados, fazendo votos de um renovado esforço da Comunidade internacional em prol das legítimas aspirações de ambos os povos.

Foi também dada uma atenção particular ao status de Jerusalém, ressaltando a importância de reconhecer e preservar sua identidade e valor universal de Cidade Santa para as três religiões abraâmicas. Por fim, falou-se também sobre outros conflitos que afligem o Oriente Médio, afirma ainda o comunicado.

03 dezembro 2018, 14:30