Versão Beta

Cerca

Vatican News
Papa Francisco assina Livro de Honra ao lado de familiares do Xeique Mujibur Papa Francisco assina Livro de Honra ao lado de familiares do Xeique Mujibur  (AFP or licensors)

Daca: Papa visita Museu em homenagem ao Pai da Nação

O Papa Francisco visitou aquela que foi a residência do Xeique Mujibur Rhaman, ali assassinado juntamente com 31 membros de sua família. O local foi transformado em um Museu Memorial

Jackson Erpen - Cidade do Vaticano

Do Memorial dos Mártires, o Papa Francisco dirigiu-se ao “Bangabandhu Memorial Museum”, distante 35,4 km, segundo compromisso em terras bengalesas.

O Pontífice foi acolhido no local por cinco familiares daquele que é considerado o “Pai da Nação”, xeique Mujibur Rahaman.

Francisco depositou  uma coroa de flores no Memorial, fez uma oração silenciosa e assinou o Livro de Honra.

Mujibur Rhaman viveu neste local, até ser assassinado juntamente com 31 membros de sua família em 15 de agosto de 1975, durante a guerra de independência do país. As paredes do Museu ainda preservam as marcas dos tiros disparados na ocasião.

A moradia transformou-se em Museu em 1997 e nele estão expostas algumas fotografias raras da vida do xeique Mujibur – primeiro presidente do país – objetos pessoais usados ao longo de sua existência.

Do Museu em homenagem ao “Pai da Pátria”, o Papa Francisco transferiu-se ao Palácio Presidencial, distante 36 km, onde foi recebido pelo secretário militar do presidente, que o acompanhou até a entrada de honra, onde lhe aguardava o Presidente, Abdul Hamid.

Após as saudações, realizou-se o encontro privado no “Credentials Hall”. A família do presidente foi apresentada ao Pontífice e houve a troca de dons.

30 novembro 2017, 14:22