Versão Beta

Cerca

VaticanNews
Como conciliar desenvolvimento e defesa do meio ambiente? Foto Luis Modino Como conciliar desenvolvimento e defesa do meio ambiente? Foto Luis Modino 

O nobre dever de assumir o cuidado com a Criação

O professor José Dettoni, diretor acadêmico do Centro Universitário São Lucas, em Porto Velho (RO), é o autor do livro “O Papa Francisco e o Meio Ambiente”. Em exclusiva para o Vatican News, ele recita trechos da obra.

Cristiane Murray - Cidade do Vaticano

Uma interpretação em versos da oração pela terra proposta pelo Papa Francisco na conclusão da sua Encíclica Laudato si, é hoje recitada, em exclusiva ao Vatican News, pelo Professor gaúcho José Dettoni, diretor acadêmico do Centro Universitário São Lucas, em Porto Velho (RO).

Mudar estilo de vida

Viver com simplicidade, engajar-se no cuidado da Casa Comum, agir para uma transformação no estilo de vida. A Encíclica do Papa Francisco nos dá o sinal que faltava para começar uma reação planetária à altura de nossos tempos. Falando para dentro da Igreja e a toda a humanidade, já despertou e aglutinou forças antes impensáveis.

“ O documento é ouvido e respeitado por cientistas, autoridades, movimentos sociais, organizações não-governamentais e autoridades ao redor do mundo ”

Já três anos atrás, quando foi lançada, a Laudato si’ se apresentou como inovadora, a começar pelo nome: o primeiro Pontífice que se fez chamar como o santo de Assis usou um verso do célebre "Cântico das Criaturas" para o ‘incipit’ do texto. E as inovações não param por aqui.

Continuam com o sentido filosófico e teológico da definição de “ecologia integral”, uma das expressões-chave da Encíclica. Isto quer dizer que nós homens e mulheres de hoje só podemos viver bem se o nosso ao redor estiver bem, e não apenas o meio ambiente. Esta é a noção da ecologia integral.

“ Um mundo que se auto-sustenta e se desenvolve de modo socialmente justo e ambientalmente equilibrado ”

O professor José Dettoni acabou de lançar o livro “O Papa Francisco e o Meio Ambiente”, obra que chegou às mãos do Papa Francsico, entregue pelo arcebispo de Porto Velho, Dom Roque Paloschi em meados de abril passado.

Dettoni é também um refinado repentista. Ouça aqui um trecho da obra, recitada pelo autor.

Baixe e compartilhe

“Para que isto aconteça
Necessária é a motivação
Profunda da sociedade e da pessoa
À transformação.

“Diminuir um pouco o consumo
Embora possa consumir
Tem base em profunda convicção
Pois fácil não é resistir”.

“É nobre assumir o dever de cuidar da Criação
Com pequenas ações diárias fruto da boa educação
Pequenos gestos de redução do consumo possível
Podem ser enumerados, mas a lista é quase impossível”.

23 maio 2018, 07:10