Versão Beta

Cerca

VaticanNews
Presidente de Angola João Manuel Gonçalves Lourenço Presidente de Angola João Manuel Gonçalves Lourenço 

Angola: Milhares de alunos e poucas escolas e professores no novo

Está aberto em Angola o ano lectivo 2018, com milhares de alunos fora do sistema de ensino por falta de escolas e professores

Anastácio Sasembele - Luanda

Está aberto o ano lectivo 2018, com milhares de alunos fora do sistema de ensino por falta de escolas e professores.

Falando no acto central da abertura do ano lectivo 2018, João Lourenço realçou que bem formados, tratados com dignidade e com uma justa renumeração, os docentes estarão em melhores condições para transmitirem os conhecimentos.

O chefe de estado angolano reconheceu que nos últimos anos o ritmo de construção de salas de aulas e de recrutamento de professores não acompanhou o aumento da procura da oferta educativa, tendo deixado milhares de crianças fora do sistema de ensino.

O Executivo angolano manifestou a sua flexibilidade para o aumento das verbas no Orçamento Geral do Estado (OGE) a favor dos sectores sociais, com destaque para a educação e saúde.

O Presidente acrescentou que, por este facto, os membros do Executivo que participam das discussões, na especialidade, do Orçamento Geral do Estado 2018, na Assembleia Nacional, estão a trabalhar a favor de aumento em sectores como a educação e saúde, até onde for possível.

De Luanda para a Rádio Vaticano, Anastácio Sasembele, paz e bem:

Abertura do ano letivo em Angola
02 fevereiro 2018, 11:07