Busca

Vatican News
Jerusalém Jerusalém 

Domingo da Palavra, Pizzaballa: a Escritura faz-nos apaixonar por Deus

Em uma Mensagem aos fiéis, o patriarca latino de Jerusalém ilustra como se realizará a iniciativa que será celebrada, por desejo do Papa Francisco, no terceiro Domingo do Tempo Comum.

Tiziana Campisi – Vatican News

Será dedicado à leitura integral do Novo Testamento, este ano na Terra Santa, o Domingo da Palavra de Deus, que cai no dia 23 de janeiro. Aceitando o convite do Papa Francisco que, com o Motu Proprio Aperuit Illis de 30 de setembro de 2019, estabeleceu que "o terceiro Domingo do Tempo Comum seja dedicado à celebração, reflexão e difusão da Palavra de Deus", a fim de "fazer crescer no povo de Deus a religiosa e assídua familiaridade com as Sagradas Escrituras", o patriarca Latino de Jerusalém Pierbattista Pizzaballa convida paróquias, comunidades religiosas ou laicas, grupos de jovens, famílias e fiéis da Palestina, Israel, Jordânia e Chipre a aderirem e a participar da iniciativa. A participação pode ser feita pessoal ou comunitariamente, segundo a possibilidade que cada um pode dar e com o tempo que cada um pode ter", explica o patriarca na sua Mensagem sobre o Domingo da Palavra de Deus. "Confiando na graça de Deus, espalharemos assim pela Terra Santa, e daqui por todo o mundo, 'a semente incorruptível da Palavra... viva e eterna', o autêntico 'aroma perfumado' que faz apaixonar".

Ouça e compartilhe

A Palavra de Deus instrumento de unidade

Nos últimos anos, na Igreja de Jerusalém, para o Domingo da Palavra de Deus, fiéis católicos, juntamente com os irmãos das Igrejas reformadas, reuniram-se para ler inteiras seções da Sagrada Escritura. Uma prática, afirma dom Pizzaballa, "que também foi inspirada no que diz o Concílio Vaticano II", na Dei Verbum, "A Igreja sempre venerou as divinas Escrituras como fez com o próprio Corpo de Cristo, nunca deixando, especialmente na sagrada liturgia, de alimentar-se com o pão da vida tanto da Palavra de Deus como do Corpo de Cristo". O Patriarca Latino de Jerusalém recorda também o que o Papa Francisco salientou por ocasião dos 1600 anos da morte de São Jerônimo, reiterando que "a Bíblia é o livro do povo do Senhor que na sua escuta passa da dispersão e divisão à unidade" e que "a Palavra de Deus une os crentes e faz deles um só povo". Nos próximos dias, o portal do Patriarcado Latino de Jerusalém publicará as várias iniciativas previstas para o Domingo da Palavra de Deus, oferecendo aos fiéis a oportunidade de escolher os eventos aos quais participar.

08 janeiro 2022, 10:31