Busca

Vatican News
Virgem de Suyapa, padroeira dos hondurenhos Virgem de Suyapa, padroeira dos hondurenhos 

Basílica de Suyapa: Papa concede Ano Jubilar Mariano

O Papa Francisco concedeu ao país da América Central a celebração de um Ano Jubilar pelo 275º aniversário da descoberta da Virgem de Suyapa, e que terá início em 8 de dezembro e se concuirá em 3 de fevereiro de 2023. A Indulgência Plenária e a bênção papal serão concedidas a todos aqueles que frequentarem a Basílica de Suyapa neste ano ou que acompanharem as celebrações por outros meios, observando os requisitos estabelecidos.

Gloria Fontana - Cidade do Vaticano

O povo hondurenho recebeu a notícias na quarta-feira, 1º de dezembro. Padre Juan Ángel López, porta-voz da Conferência Episcopal de Honduras, fez o anúncio em uma coletiva de imprensa, lendo os dois decretos que constituem uma grande bênção para o povo de Deus.

Indulgência Plenária

 

“A Penitenciária Apostólica - para o incremento da religião dos fiéis e a salvação das almas, em virtude dos poderes que lhe foram conferidos de maneira especial pelo Papa Francisco, em resposta ao pedido de Sua Excelência o senhor Ángel Garachana Pérez, presidente da Conferência Episcopal de Honduras, por ocasião das solenidades de Nossa Senhora de Suyapa, que serão celebradas de 8 de dezembro de 2021 a 3 de fevereiro de 2023 - concede benignamente a Indulgência Plenária observadas as condições habituais”.

O porta-voz da Conferência Episcopal também anunciou ao povo hondurenho que o Santo Padre concedeu uma Bênção Apostólica a Honduras, em consonância com este Ano Jubilar mariano dedicado à Virgem de Suyapa.

Benção Apostólica

 

“Por ocasião das celebrações de Nossa Senhora de Suyapa, no dia escolhido para o benefício dos fiéis após a celebração do sacrifício divino, conceda a todos os fiéis presentes que, movidos pela penitência e pela caridade se aproximam da Basílica, a bênção papal acompanhada pela Indulgência Plenária, observadas as condições habituais”.

O reitor da Basílica de Nossa Senhora de Suyapa, Pe. Carlo Magno Núñez, afirmou por sua vez estar muito feliz pelo país receber esta graça: “A partir de 8 de dezembro, este recinto da Basílica de Nossa Senhora de Suyapa se converterá mais uma vez em local de peregrinação para lucrar a Indulgência Plenária, de acordo com o estabelecido pelo decreto da Penitenciaria Apostólica. Temos um compromisso de que o Sacramento da Reconciliação seja oferecido diariamente e de criar o ambiente espiritual para que a graça concedida pela Apostólica seja aproveitada ao máximo”.

“Estas graças que nos são dadas precisamente neste tempo do Advento e justamente ao quase início de um novo governo no país, são sinais de esperança para tantas famílias que se confiam à intercessão da Virgem de Suyapa e que ao longo de todo o ano, estamos certos, chegarão como de costume, para receber esses dons que foram oficialmente concedidos pelo Santo Padre.

03 dezembro 2021, 15:43