Busca

Vatican News
Encontro Pan-Americano dos Capuchinhos Encontro Pan-Americano dos Capuchinhos 

Encontro Pan-americano dos Capuchinhos

Primeira sessão do Encontro Pan-americano dos Capuchinhos discute a missão dos frades. Superiores maiores e delegados das circunscrições em toda a América se encontraram virtualmente para continuarem as reflexões sobre a vida dos irmãos nestas terras.

Vatican News

Depois de termos celebrado a Sessão de Abertura, no início do mês de maio, o Encontro Pan-Americano dos Capuchinhos teve na última segunda-feira, 7 de junho, sua primeira sessão oficial para refletir sobre a missão dos frades. Superiores maiores e delegados das circunscrições em toda a América se encontraram virtualmente para continuarem as reflexões sobre a vida dos irmãos nestas terras.

Feita a oração do encontro, uma mistura dos quatro idiomas, foi exibido o vídeo de apresentado dos convocados e equipes de trabalho, envolvidas na realização do encontro. Além dos convocados, equipe técnica e tradutores também participaram da reunião.

 

Encontro Pan-americano dos Capuchinhos
Encontro Pan-americano dos Capuchinhos

Em um outro vídeo exibido, leigos, de diversos lugares em que os freis atuam, agradeceram pela presença e serviço. Uma mistura de pessoas atendidas em paróquias, obras sociais e outras frentes de trabalho empreitadas pela Ordem neste continente.

Temática

Neste primeiro momento, Frei Helmut Rakowski, atualmente Vigário Provincial dos Capuchinhos na Alemanha, foi quem propôs alguns tópicos para reflexão. Entre os destaques feito por frei Helmut está a presença dos capuchinhos nas mais variadas frentes missionárias, propostas pela Igreja. Acima de todas as teorias, a proposta do assessor foi uma reflexão sobre a sua experiência de missão, parte dela vivida no México.

Após a explanação, os irmãos foram divididos em grupos, por idioma, para continuar as discussões. Sob a perspectiva das fontes franciscanas, da história e dos documentos atuais da Ordem, o convite foi para perceber que uma vida apostólica apaixonada e criativa, especialmente comprometida com os mais pobres, assim como o envio de missionários são características essenciais do nosso carisma capuchinho. 

As diversas exposições feitas pelos grupos sobre a realidade atual da ordem serão mais tarde disponibilizadas a todos os irmãos, bem como os principais momentos da sessão.

Encontro Pan-americano dos Capuchinhos
Encontro Pan-americano dos Capuchinhos

O encontro sobre missão foi encerrado com um vídeo em que os Provinciais do Peru e Colômbia e o Custódio do Amazonas e Roraima, no Brasil, firmaram um acordo para a formação de fraternidades internacionais na tríplice fronteira, no coração da Amazônia.

Capuchinhos assinam acordo para fraternidade na Amazônia:

https://youtu.be/PY_exzB4SX0

https://youtu.be/-P1vq2MFXCA

 

Sobre a atuação missionária dos Capuchinhos:

Frades estão presentes em diversas regiões, atuando nas mais variadas frentes missionárias.

A presença dos Frades Capuchinhos nas Américas sempre teve uma perspectiva missionária. Mesmo que, em alguns lugares, os irmãos permaneçam por muito tempo e, por vezes instalando uma nova circunscrição, a moção sempre foi missionária, dando testemunho de uma Igreja que vai onde há necessidade de anúncio.

Na segunda sessão virtual do Encontro Pan-americano da Ordem, realizada no dia 7 de junho, foi exatamente este o tema para a reflexão: a Missão. Olhando para as circunscrições de ponta a ponta das Américas vemos um sinal importante dos trabalhos que os frades exercem cuidando da Igreja e do povo.

No cenário atual, é comum ver o zelo dos frades em Paróquias e Santuários, dando assistência pastoral, espiritual e sacramental. É nítida, neste ambiente, a atuação atenta dos irmãos e da contribuição daqueles que estão dentro do processo de iniciação para a vida Capuchinha.

Em diversos lugares, a Ordem mantém obras sociais que atendem necessidades específicas das comunidades. É o caso dos projetos desenvolvidos na Custódia do Paraguai: San Félix e Comedouro de Niños. Essa mesma Custódia desenvolve um projeto de evangelização pelas redes sociais, chamada Gotas de Paz. Aqui para citar alguns, entre as várias iniciativas sociais dos Capuchinhos nas Américas.

Presenças

Depois de um dolorido processo sofrido pelos católicos no Chile, é bonito ver a Província de São Paulo (Brasil) assumir a missão naquele país. Trata-se de uma iniciativa recente, mas que, com certeza, terá numerosos frutos para a Igreja naquela região.

Por iniciativa dos Frades do Rio Grande do Sul (Brasil) foram criadas duas outras circunscrições em território brasileiro: a Custódia do Brasil Oeste e a Província do Brasil Central. Além disso, estes memos frades já se fizeram presentes na Nicarágua e na África Central, na região onde hoje está a República Democrática do Congo. Hoje, os irmãos estão presentes ainda no Haiti.

Vê-se ainda um grande esforço missionário para atender demandas específicas na própria América, como é o caso da Região Amazônica e América Central, por exemplo. Diversos irmãos atuam ainda entre os nativos, um trabalho que une o serviço de evangelização e a defesa da vida e dos direitos desses povos.

Aqui temos alguns exemplos de presença missionária dos frades. A atuação dos Capuchinhos tem múltiplas faces, uma vez que, como reza as Constituições da Ordem dos Frades Menores Capuchinhos, os irmãos devem “em espírito de caridade avaliar as condições históricas, religiosas, sociais e culturais à luz do Evangelho e, impulsionados por espírito profético, atuar com a liberdade dos filhos de Deus” (177, 6).

 

Fonte: Equipe de Comunicação do Encontro Pan-Americano dos Capuchinhos

Paulo Henrique, assessoria de comunicação

 

10 junho 2021, 15:27