Busca

Vatican News

Dia Mundial das Missões: "Por um Mali pacífico, eis-me aqui, envia-me Senhor"

Trata-se de uma iniciativa para ajudar cada batizado, cada cristão a sentir-se enviado em missão em nome de sua fé para o retorno da paz e coesão social na República de Mali, afirma o diretor nacional das Pontifícias Obras Missionárias, padre Hervé Tienou, ressaltando que as iniciativas para o Dia Mundial das Missões, que a Igreja celebra este domingo, 18 de outubro, já estão em andamento há algum tempo no país do oeste da África

Vatican News

Ouça e compartilhe

“Extraímos do tema do Dia Mundial das Missões um tema adaptado à situação atual em Mali, que permanecerá válido não somente para o Mês Missionário de outubro de 2020, mas também para todos os eventos das POM em Mali no período de outubro de 2020 a setembro de 2021. O tema é: ‘Por um Mali pacífico, eis-me aqui, envia-me Senhor’.”

Foi o que disse diz à agência missionária Fides o diretor nacional das Pontifícias Obras Missionárias na República de Mali, país do oeste da África, padre Hervé Tienou.

“Em termos concretos, esta é uma contextualização do tema global ‘Eis-me aqui, envia-me!’ (Is 6, 8)”, explica o sacerdote. Trata-se de uma iniciativa para ajudar cada batizado, cada cristão a sentir-se enviado em missão em nome de sua fé para o retorno da paz e coesão social em Mali", continua o sacerdote, também dirigindo um pensamento às pessoas ainda nas mãos dos jihadistas no país africano.

Iniciativas para o Dia Mundial das Missões

O diretor nacional das POM em Mali ressalta que as iniciativas para o Dia Mundial das Missões já estão em andamento há algum tempo: “em agosto começou a preparação e distribuição nas seis dioceses de Mali dos cartazes e opúsculos de animação POM 2020 – 2021, em ‘Bambara’ (a língua mais usada em Mali) e em francês”.

“Os cartazes são feitos com o logotipo do Mês Missionário de outubro de 2020, que é caracterizado por quatro elementos constitutivos: o mapa de Mali, as mãos entrelaçadas em um círculo com a bandeira nacional ao fundo, a pomba carregando um ramo de oliveira em seu bico. Os dois missionários a caminho, cada um com seu cajado de peregrino, por fim as palavras: ‘Por um Mali pacífico, eis-me aqui, envia-me Senhor’.”

Padre Tienou lembra que “Os subsídios são feitos para: ajudar nossas comunidades cristãs a viver mais intensamente o Dia Mundial das Missões, o Mês Missionário de outubro e todos os momentos marcantes das POM ao longo do ano, na oração do Terço e na meditação diária da Palavra de Deus; sensibilizar os fiéis para apoiar material e financeiramente as responsabilidades missionárias da Igreja através de uma maior contribuição nas coletas organizadas durante o mês de outubro e para cada uma das quatro obras das POM; e promover o espírito missionário em cada batizado através de um maior envolvimento nas atividades da Igreja em nossas comunidades cristãs de base”.

Iniciativas voltadas à promoção do Mês Missionário

Para promover o Mês Missionário, todos os sábados e domingos de outubro são transmitidos programas especiais no rádio e na televisão nacional. O conteúdo das transmissões inclui: a apresentação do tema global e do tema adaptado ao contexto atual de Mali, a conscientização e o chamado à oração e animação durante uma primeira semana para o apostolado dos leigos a fim de que eles possam se engajar mais na missão.

Durante a segunda semana, a oração e a animação são para o apostolado das crianças e por uma preparação mais intensa e direta para a celebração do Dia Mundial das Missões. A semana sucessiva coincide com o Dia Mundial das Missões e a ênfase está na apresentação, leitura e meditação da Mensagem do Santo Padre enquanto reza e se anima por “uma Igreja missionária a serviço da paz e do bem comum”.

Na última semana do mês missionário de outubro, a oração e a animação são para o apostolado das pessoas consagradas, ressaltando a importância do compromisso deles com a animação permanente das quatro obras missionárias pontifícias em nível de paróquias, Movimentos de Ação Católica, escolas e seminários – grupos vocacionais.

(Fides)

16 outubro 2020, 15:39