Busca

Vatican News
A fila de moradores de Metro Manila para receber auxílio do governo durante a pandemia A fila de moradores de Metro Manila para receber auxílio do governo durante a pandemia 

Pandemia, Caritas Alemanha: doação de 100 mil euros para ajudar famílias filipinas afetadas

A contribuição financeira entre as sedes das Caritas vai beneficiar principalmente as famílias pobres e mais afetadas pelo coronavírus no país. “Muitas pessoas estão morrendo de fome e muitas crianças estão desnutridas", alertou o Pe. Anton Pascual, diretor-executivo da Caritas de Manila. Por isso, a doação será revertida em alimentos, incluindo vitaminas, mas também em produtos de higiene.

Vatican News

A Caritas da Alemanha doou 100 mil euros, cerca de 5 milhões de pesos filipinos, para ajudar a Caritas de Manila no auxílio às áreas mais afetadas pela Covid-19. Desde os primeiros meses da pandemia, a organização católica filipina junto aos principais grupos empresariais tem se comprometido a distribuir vale-alimentação no valor de 1,7 bilhões pesos filipinos para as famílias pobres de Metro Manila e das províncias vizinhas, duramente atingidas pela propagação da pandemia do coronavírus.

As famílias pobres beneficiadas

Nesse contexto, o Padre Anton Pascual, diretor-executivo da Caritas Manila, enfatizou o grande valor dessa doação oriunda da Alemanha que será utilizada principalmente para levar ajuda aos mais de 4 mil residentes de Barangay 201 na cidade de Pasay. O local, como explica a nota divulgada pelo episcopado das Filipinas, foi submetido durante meses a medidas restritivas extremas para combater a propagação do vírus.

O sacerdote, assim, complementou: "sabemos que a Covid-19 tem consequências não só para a saúde, mas também para o sustento do nosso povo. Muitos estão morrendo de fome hoje e muitas crianças estão desnutridas". As famílias pobres de Pasay, beneficiárias da doação feita pela Caritas da Alemanha, vão receber pacotes de alimentos, incluindo vitaminas, e um kits completos de produtos de higiene.

Vatican News Service - AP

22 outubro 2020, 12:17