Busca

Vatican News
Irmã Bernadete Rossoni, postuladora brasileira de Santa Josefina Vannini, canonizada no domingo (13/10) Irmã Bernadete Rossoni, postuladora brasileira de Santa Josefina Vannini, canonizada no domingo (13/10) 

Novos Santos: Santa Josefina Vannini, as palavras da postuladora brasileira

Santa Josefina Vannini, canonizada no domingo 13 de outubro, teve como postuladora a religiosa brasileira Bernadete Rossoni que mora em Roma há muitos anos e segue o processo desde 1993, um ano antes da sua beatificação por João Paulo II

Jane Nogara - Cidade do Vaticano

Neste domingo (13/10) junto com a canonização da brasileira Irmã Dulce foi canonizada Santa Josefina Vannini a fundadora das Filhas de São Camilo. Falamos com a postuladora da causa da santa, a religiosa brasileira Bernadete Rossoni.

 

Ouça a entrevista com a postuladora Ir. Bernadete Rossoni

 

Biografia da Santa Josefina Vannini

Josefina Vannini nasceu em Roma, em 1859. Aos quatro anos de idade, perdeu o pai e, três anos depois, a mãe. Durante os exercícios espirituais, conheceu o sacerdote camiliano, Padre Luigi Tezza, que reconheceu nela a pessoa indicada para iniciar uma nova Congregação, fundada em 1892, com o nome de Filhas de São Camilo.

O processo da causa de canonização foi iniciado em Roma em 1955. Após a inscrição no registro dos Bem aventurados por João Paulo II, em vista da canonização. De 1 a 4 de Dezembro de 2015, foi instruído o inquérito diocesano, na cúria de Sinop no Brasil, por um suposto milagre a favor do trabalhador da construção civil Arno Celson Klauck, que estava trabalhando na construção de uma casa de repouso para idosos em homenagem a Vannini, construída com a ajuda de toda a comunidade civil e religiosa da cidade. O homem, perdendo o equilíbrio, caiu do terceiro andar dentro do poço do elevador, com um voo de cerca de 10,80 metros de altura. Dentro do poço, havia pedaços de madeira e ferro e, no fundo, também havia um acúmulo de água da chuva; no entanto, Arno saiu ileso. A consulta médica realizada em 27 de Setembro de 2018 definiu o caso: "A ausência de qualquer comprometimento significativo, tanto somático quanto psíquico, necessariamente esperado em um caso de precipitação a partir da altura de 10.80 mt apesar da presença de fatores de proteção, não encontra explicação científica".

A invocação do trabalhador ao cair, "minha mâe, ajuda-me", nasce no contexto de uma profunda devoção a Bem-aventurada, e constitui um forte apelo à humanização do cuidado. Para ela, o paciente nunca é um número ou um peso, mas o destinatário de um serviço a ser realizado com discrição, gentileza, cuidado, sensibilidade, capacidade de levar o homem a Deus, de abri-lo à fé.

Para Madre Vannini, o sofredor deve estar no centro de toda preocupação e interesse, e deve ser servido como o próprio Jesus: "Eu estava doente e cuidastes de mim" (Mt 25,36). Portanto, para os jovens e para os que buscam a vontade de Deus, Vannini é um modelo de abandono ao Senhor; enquanto para aqueles que vivem sem um ideal sério, é um estímulo à fortaleza e perseverança.

 

 

14 outubro 2019, 14:54