Cerca

Vatican News
Os bispos visitaram o complexo hospitalar que está sendo erguido em Cusco Os bispos visitaram o complexo hospitalar que está sendo erguido em Cusco 

Hospital do Câncer Infantil toma forma no Peru para receber milhares de crianças da América do Sul

O complexo hospitalar “Vidawasi”, sem fins lucrativos, conta com o apoio da Santa Sé e está sendo erguido no coração do Vale Sagrado dos Incas, em Cusco. No final de semana, representantes da Igreja católica participaram de uma cerimônia para conhecer as obras do espaço que irá atender crianças em situação vulnerável e seus cuidadores.

Andressa Collet – Cidade do Vaticano

As crianças mais vulneráveis com câncer da América do Sul terão um espaço especial no Peru dedicado ao tratamento da doença. O Hospital de Câncer Infantil “Vidawasi” (Casa da Vida), que tem apoio da Santa Sé, será o quarto no mundo, sem fins lucrativos, a se dedicar de maneira exclusiva ao câncer infantil. Os outros três ficam no México, nos Estados Unidos e no Egito.

As crianças da comunidade que também participaram da cerimônia
As crianças da comunidade que também participaram da cerimônia

Igreja Católica conhece o Vidawasi

No último sábado (10), Dom Nicola Girasoli, Núncio Apostólico no Peru, e de Dom Richard Alarcón, arcebispo de Cusco, participaram de um evento que apresentou oficialmente à comunidade nacional o hospital pediátrico, que fica no coração do Vale Sagrado dos Incas em Cusco. Dom Girasoli afirmou que o complexo hospitalar “Vidawasi” é uma bênção para todos os peruanos, já que é um trabalho feito com coração e solidariedade, onde todos os pequenos doentes de câncer encontrarão tratamento e tranquilidade necessários nessa fase, graças à posição estratégica do hospital.

Na cerimônia também estavam presentes autoridades locais, representantes de instituições e os fundadores da organização de mesmo nome, isto é, Marina Cano e Jesús Dongo, que agradeceu a Igreja Católica por ter sido uma das primeiras instituições a abrir as portas para realizar o projeto. O fundador também convidou o país inteiro a se unir para terminar a obra que conta com parceiros internacionais e tem o propósito de “devolver a esperança de vida a milhares de crianças com câncer”, sem olhar situação econômica e lugar de origem dos pequenos.

Complexo Hospitalar para enfrentar as mortes por câncer

O tratamento oferecido será de alta qualidade para permitir melhorar a sobrevida e reduzir as taxas de abandono e mortalidade infantil. Segundo dados do site do projeto, a cada 2 minutos uma criança é diagnosticada com câncer no mundo e cerca de 800 não chegam ao hospital.

O complexo hospitalar faz parte de um projeto ambicioso que contempla a “Cidade Vidawasi”, que está ganhando forma depois de um trabalho de 6 anos. O prédio do hospital está em construção, mas áreas complementares já estão prontas, visto que o espaço vai oferecer ainda vilas médica e de voluntariado, uma capela, hotel aos familiares, clínica de tratamento, praça e salas de reunião, para a imprensa e atividades culturais. O conselho consultivo de honra conta com profissionais especialistas no assunto, como Patch Adams, idealizador do projeto da Risoterapia, e Luiz Fernando Lopes, diretor geral do Hospital Pediátrico Oncológico de Barretos, no Brasil.

Photogallery

Confira as fotos da visita dos bispos às obras do Hospital Vidawasi
13 agosto 2019, 13:28