Cerca

Vatican News
A região amazônica "gera oxigênio e água para a Bolívia e para o mundo todo", diz o secretário técnico da Rede Eclesial Panamazônica A região amazônica "gera oxigênio e água para a Bolívia e para o mundo todo", diz o secretário técnico da Rede Eclesial Panamazônica 

Bispos da Bolívia encontram população amazônica em vista do Sínodo

A base das discussão do encontro será o documento resultante das consultas realizadas em 2018, em que as populações da Amazônia boliviana advertem para a existência de uma agressão permanente contra o território amazônico e, consequentemente, um ataque à própria vida, visto tratar-se de uma área que produz oxigênio e água para a Bolívia e para o mundo todo.

O primeiro encontro dos bispos bolivianos com os representantes das comunidades amazônicas do país, terá lugar de 24 a 26 de agosto, em Cochambamba. O objetivo é enriquecer as propostas que os bispos bolivianos apresentarão por ocasião do Sínodo de outubro.

Ouça e compartilhe!

O secretário técnico da Rede Eclesial Panamazônica, Willy Llanque, explicou ao portal da Conferência Episcopal Boliviana (CEB) "Iglesia Viva", que os "bispos querem conhecer diretamente as necessidades e as demandas dos povos e das comunidades amazônicas, para levar sua voz” ao Sínodo.

A base de discussão é o documento resultante das consultas realizadas em 2018, em que as populações da Amazônia boliviana advertem para a existência de uma agressão permanente contra o território amazônico e, consequentemente, um ataque à própria vida, visto tratar-se de uma área que produz oxigênio e água para a Bolívia e para o mundo todo.

Deter agressão à ecologia integral

 

Em função disto, explica um comunicado, um dos principais temas será "identificar ações concretas para deter os ataques sistemáticos à ecologia integral, com o propósito de preservar a obra da Criação". Os povos da Amazônia, ademais, também pedem uma maior presença da Igreja Católica nesta vasta região.

Segundo Llanque, o Sínodo "é a expressão de uma mudança de comportamento, modo de agir, formas da presença da Igreja", também em resposta às necessidades e aos pedidos resultantes da consulta aos habitantes da região.

Participantes do encontro

 

Participarão do encontro em Cochabamba o presidente da Conferência Episcopal Boliviana, Dom Ricardo Centellas, os 14 bispos das nove jurisdições amazônicas do país, dezenas de representantes de povos amazônicos e membros da Repam Bolívia. Com eles, entre outros, o secretário especial do Sínodo, padre Michael Czerny, e o secretário executivo da Repam, Mauricio López.

(Com Agência Sir)

23 agosto 2019, 10:16