Busca

Vatican News
Iniciativas são reflexo do empenho da Igreja e dos bispos em proteger os menores e adultos vulneráveis Iniciativas são reflexo do empenho da Igreja e dos bispos em proteger os menores e adultos vulneráveis 

Bispos da Bolívia abrem linha direta para denunciar casos de abusos

A Comissão para Investigar Denúncias da Conferência Episcopal do país abriu um site na internet e disponibilizou uma linha gratuita de telefone (800 16 1213) para denunciar casos de abusos sexuais contra menores e adultos vulneráveis.

Andressa Collet – Cidade do Vaticano

Ouça a reportagem

A Conferência Episcopal da Bolívia, preocupada com a situação de violência vivida no país, anunciou a criação de um portal na internet para informar os fiéis a respeito dos procedimentos realizados pela Igreja em caso de denúncias de abusos sexuais de menores e pessoas vulneráveis. Os bispos também começaram a disponibilizar uma linha gratuita de telefone (800 16 1213), através da qual podem ser denunciados episódios de abusos.

Comissão para Investigar casos de abusos

Através de uma coletiva de imprensa também foi apresentada uma Comissão Nacional para Investigar Denúncias que será encarregada de apurar os casos denunciados. O secretário-geral da Conferência dos Bispos, Dom Aurelio Pesoa Ribera, bispo auxiliar de La Paz, confirmou o empenho da Igreja e dos bispos de proteger os menores e os adultos vulneráveis, compromisso que se traduz pelas iniciativas apresentadas e pelas orientações aprovadas pelos bispos que acolhem as indicações do Vaticano e são direcionadas sobretudo à prevenção, para evitar que existam novas vítimas que sofram com lamentável situação.

06 agosto 2019, 16:59