Cerca

Vatican News
Igreja em Portugal há muito espera por este anúncio Igreja em Portugal há muito espera por este anúncio  (Vatican Media)

JMJ em Portugal: há muito esperávamos esta oportunidade, diz Patriarca de Lisboa

Com a confluência das dioceses e da juventude católica será uma grande Jornada, diz cardeal Manuel Clemente, que ressalta que será uma oportunidade para estreitar laços entre os países de língua portuguesa.

Jackson Erpen – Cidade do Panamá

Foi com alegria que os portugueses receberam o anúncio de que a próxima Jornada Mundial da Juventude será realizada no país. No início da tarde deste domingo, o Patriarca de Lisboa, cardeal Manuel José Macário do Nascimento Clemente participou de um encontro com os jornalistas no Centro de Imprensa da JMJ.

O cardeal falou ao Vatican News no Panamá como foi recebido o anúncio:

Cardeal Manuel Clemente

“Com muita alegria e com muita vontade de fazer o melhor. E certamente acontecerá, porque a vontade é grande, quer da parte das Dioceses portuguesas – que há muito esperavam esta oportunidade e se empenharão inteiramente para que tudo corra bem – quer da parte da própria juventude católica em Portugal, nos seus movimentos que também insistiam muito conosco para darmos este passo. E demos. E o Papa vai em nosso encontro, por isso com a confluência das dioceses e da juventude católica será uma grande Jornada.”

No Panamá foi uma Jornada mariana e agora se vai a Portugal, onde a espiritualidade e marcada pela presença de Nossa Senhora de Fátima

“Certamente, em Portugal tudo respira Fátima. E por isso seja em Fátima, seja em Lisboa como vai ser – mas é perto – Fátima estará muito presente, com tudo aquilo que Fátima significa, de sinal, de motivo, espiritualidade forte de conversão cristã, e presença evangélica no mundo”.

JMJ em Portugal estreitará laços com países de língua portugues

“E esta é uma intenção muito forte, é uma intenção muito forte. E já temos falado no âmbito das Conferências Episcopais de língua portuguesa, ainda na última em Cabo Verde, já temos falado nestas Jornadas como mais uma oportunidade de estreitar laços entre nós, e isto vai acontecer, com certeza. Todos estão empenhados, desde o Brasil à Angola, desde Guiné à Moçambique, desde Cabo Verde a São Tomé. A própria diáspora portuguesa no mundo…tudo isto estará muito presente na Jornada em Lisboa”.

27 janeiro 2019, 21:25