Cerca

Vatican News
Registro do sábado (24), dia da final da Copa Libertadores em Buenos Aires Registro do sábado (24), dia da final da Copa Libertadores em Buenos Aires 

Município de Gênova escreve ao Papa pela paz nos estádios

A carta dirigida a Francisco foi encaminhada nesta semana. Na mensagem, o pedido de bênção “contra a violência e pela pacificação das torcidas”, em virtude dos episódios recentes da final da Libertadores na Argentina. Gênova também espera sediar o jogo decisivo da final do campeonato.

Andressa Collet – Cidade do Vaticano

A imprensa italiana divulgou nesta semana uma carta dirigida ao Papa Francisco e assinada pelo conselheiro esportivo de Genova, cidade do noroeste da Itália, Stefano Anzalone. A mensagem saiu do escritório municipal ao endereço do Santo Padre, com a intenção de pedir uma bênção contra a violência e pela paz nos estádios de futebol, mas também na esperança de Gênova sediar a partida de volta da final da Copa Libertadores da América marcada para a próxima semana, ainda sem data e local definidos.

Contra a violência e pela paz entre torcidas

Na carta, Anzalone diz que seria uma honra ter a bênção do Papa Francisco “contra a violência e pela pacificação das torcidas, em virtude dos recentes acontecimentos ocorridos na Argentina”. No último sábado (24), data em que o jogo decisivo entre River Plate e Boca Juniors deveria ter acontecido, episódios de violência foram registrados no Monumental de Núñez, em Buenos Aires.

Gênova se oferece para sediar final do campeonato

Os dois clubes argentinos foram fundados por imigrantes genoveses e já contatados oficialmente pela proposta de sediar o clássico na Itália. Se a partida da Libertadores viesse a ser disputada em Gênova, Anzalone pede a oração do Papa Francisco para que “o evento histórico possa se transformar num momento de agregação para os apaixonados de futebol e de reparação para uma cidade ferida por já conhecidos trágicos eventos”. De fato, em agosto deste ano, a queda parcial de uma ponte fez dezenas de mortes em Gênova, durante uma forte chuva que atingiu a região.

A final da Libertadores será disputada fora da Argentina, porém, no leque de opções da Confederação Sul-americana de Futebol (Conmebol) não estaria a cidade de Gênova.

29 novembro 2018, 14:06