Versão Beta

Cerca

Vatican News
Patriarca da Igreja Copta Ortodoxa, Tawadros II Patriarca da Igreja Copta Ortodoxa, Tawadros II   (AFP or licensors)

Tawadros II celebrou na Basílica São Paulo extramuros

O Patriarca da Igreja Copta Ortodoxa participou no sábado do encontro de oração e reflexão pela paz no Oriente Médio, retornando em seguida a Roma para encontrar a comunidade copta.

Cidade do Vaticano

O Patriarca da Igreja Copta Ortodoxa, Tawadros II, após participar da oração ecumênica pela paz no oriente Médio no sábado, retornou a Roma para encontrar a comunidade copta. E na manhã desta segunda-feira, 9, ele foi recebido no Quirinale pelo presidente da República Italiana, Sergio Mattarella.

Celebração na Basílica de São Paulo

 

Foi a primeira vez na Itália que uma Missa de rito copta-ortodoxo foi celebrada em uma igreja católica. O patriarca presidiu a celebração na Basílica São Paulo Extramuros para dois mil fiéis coptas vindos de toda a Itália, guiados pelo seu bispo, S.E Anba Barnaba Soryany. 

Toda a hierarquia eclesiástica das Igrejas Coptas de Roma, Florença, Turim, Milão e Reggio Emilia estavam presentes com seus altos dignatários e com as escolas de seminaristas que entoaram cantos litúrgicos durante toda a celebração que durou pouco mais de 4 horas, das 8 para além do meio-dia.

Também estavam presentes S.E. Anba Antonio e o Metropolita Anba Wisa, uma delegação das Embaixadas do Egito na Itália e junto à Santa Sé, com os respectivos embaixadores Hisham Badr e Mahmud Sami.

Na celebração foi elevado ao grau de hegúmeno o Padre Anghelos Bishai, pároco da Igreja de Florença, muito amado pelo serviço prestado na Diocese de Roma.

(Hegúmeno, hegumeno ou egúmeno é o título do responsável por um mosteiro da Igreja Ortodoxa Oriental ou das Igrejas Orientais Católicas, similar ao de abade. O termo significa "aquele que está no comando", "líder" em grego"..
 

09 julho 2018, 10:36