Busca

Vatican News
Bispos da Conferência Episcopal de Angola e São Tomé (CEAST), sob a ponte do Zambeze Bispos da Conferência Episcopal de Angola e São Tomé (CEAST), sob a ponte do Zambeze 

Bispos apostam nos jovens e apontam luzes e sombras em tempo de Covid-19

Os Bispos da Conferência Episcopal de Angola e São Tomé (CEAST) encerram II Assembleia Plenária anual, exortando para uma gestão transparente e identificam sombras e luzes num contexto de pandemia.

Anastácio Sasembele – Luanda, Angola

Os Bispos da CEAST, reunidos de 6 a 12 de outubro na sua II Assembleia Plenária Anual de 2020, que teve lugar em Cazombo, Diocese do Lwena (Moxico), produziram três documentos, nomeadamente o Comunicado de Imprensa, a Nota Pastoral da CEAST em tempo de Covid-19 e a Mensagem Pastoral para os Jovens com o tema “ jovem quero ficar em tua casa, Lc 19,5”.

Oiça aqui a reportagem e partilhe

Estes documentos contêm orientações e deliberações sobre os vários aspectos da vida eclesial e pública nacional, e aqui salientamos algumas:  

Os Bispos concluíram ser necessário reiniciar as catequeses para adolescentes e jovens sob medidas de segurança face a Covid-19. Dos documentos produzidos pela Assembleia, consta também a recomendação de se proceder ao estudo da divisão de novas Dioceses.

Por outro lado os Bispos apontaram aspectos de degradação social visível na gestão pública e lamentaram a fraca cultura de transparência na gestão da coisa pública.

Na Nota Pastoral da CEAST em tempo de Covid-19 os Bispos apontaram aspectos positivos que marcam a experiência do País em tempo de pandemia, numa altura em que Angola contabiliza 6.488 casos positivos, com 219 óbitos, 2.744 recuperados e 3.525 activos.

Entretanto os Prelados não deixaram de apontar “sombras” que marcam este momento entre os quais a falta de testes e a constante disseminação da doença pelo País inteiro… Entre as várias “sombras” os Bispos apontaram a pobreza extrema visível sobretudo no interior do País e esperam que estas sombras se dissipem rapidamente, por isso apontaram caminhos.

Finalmente os Prelados olharam para a juventude e recomendaram aos Missionários e agentes de pastoral ao nível das comunidades cristãs que os acompanhem com o devido cuidado.

14 outubro 2020, 12:47