Busca

Vatican News
Missa Crismal na Catedral de Benguela, em Angola Missa Crismal na Catedral de Benguela, em Angola 

Angola. Agradecimentos ao Clero marcaram Missa crismal na Catedral de Benguela

Comunhão e agradecimentos ao trabalho dos sacerdotes marcaram a mensagem do Bispo de Benguela, D. António Francisco Jaca, na Missa crismal, só agora realizada por conta das restrições da Covid-19.

Anastácio Sasembele – Luanda, Angola

Sacerdotes da diocese de Benguela, em Angola, foram chamados a renovar os seus compromissos em missa crismal na Catedral de Nossa Senhora de Fátima.  

Com o retorno das Missas e outras actividades pastorais em 17 das 19 dioceses de Angola, as celebrações que marcam o ano litúrgico, antes impedidas por conta das medidas apertadas da Covid-19, vão tendo lugar nas diferentes dioceses da Conferência Episcopal de Angola e São Tomé (CEAST).

Oiça aqui a reportagem e partilhe

Na diocese de Benguela, por exemplo, os sacerdotes renovaram os seus compromissos, na quinta-feira (16/07), durante a Missa presidida pelo bispo da diocese D. António Francisco Jaca que falou do significado da Missa crismal consubstanciada na comunhão sacerdotal.

“Nela vivenciamos a plena comunhão do presbitério diocesano, comunhão expressa neste estarmos juntos, celebrando a eucaristia”, referiu o prelado.

“O sacramento da Ordem é vocação específica. O presbítero pode fazer da própria vida um dom de amor e cooperar na edificação da Igreja. É uma pessoa ungida para apascentar o rebanho de Deus”, destacou na homilia D. Jaca.

O bispo acrescentou que, pela ordem, o ministro se dedica à sua comunidade, que é sua família. Ele pediu que os padres sempre reacendam o dom de Deus que está em cada um e cultivem o bem que receberam de Deus em favor da Igreja.

E em tempos de pandemia o trabalho dos padres tem sido redobrado devido ao número de celebrações eucarísticas presididas nas comunidades religiosas, e em alguns casos transmitidas pelas mais diversas plataformas digitais, com um único objectivo, levar o Evangelho a todos os fiéis confinados em casa, daí os agradecimentos do pastor da diocese de Benguela a todos os sacerdotes pelo seu empenho no ministério.

A renovação das promessas sacerdotais e a bênção dos santos óleos constituíram os ritos centrais da Missa que foi animada pelo coro do Seminário Maior do Bom Pastor, secção de Teologia.

21 julho 2020, 09:16