Busca

Vatican News
Religiosas numa celebração, no Seminário Maior de Luanda, em Angola Religiosas numa celebração, no Seminário Maior de Luanda, em Angola 

Angola. Em vésperas do domingo do Bom Pastor, Igreja renova apelos pelas vocações

No domingo (03/05) a Igreja celebra a festa do Bom Pastor, Dia Mundial de Oração pelas Vocações. Em Angola já começaram os apelos para a celebração da festa, em que se fomenta e incentiva o nascimento de mais vocações religiosas.

Anastácio Sasembele – Luanda, Angola

“Oração permanente e pastoral vocacional activa são os segredos do fomento vocacional de consagrados”, afirma o Cardeal Eugénio Dal Corso.

O também Bispo Emérito da diocese de Benguela, que decidiu instalar-se na localidade de Caiundo, diocese de Menongue, diz ser necessário aprofundar as orações e desenvolver uma pastoral vocacional, consubstanciada na apresentação das várias possibilidades que a Igreja oferece aos jovens candidatos.

Oiça aqui a reportagem e partilhe

“A fé em Deus e a oração são factores determinantes para a existência de mais vocações, só assim o Senhor ajudará a todos os chamados a conhecer e corresponder, generosamente a própria vocação”, acrescentou o Cardeal.

A diocese de Menongue, à semelhança de outras, vive por estes dias a Semana Mundial de Oração pelas Vocações Consagradas.

E a influência negativa da globalização tem dificultado o fomento de mais vocações, defende a Madre Fátima Cavati, religiosa das Irmãs de Santa Teresa do Menino Jesus, que aponta igualmente o “capitalismo selvagem”, como sendo um outro entrave ao crescimento de vocações.

A olhar para a realidade africana e de Angola em particular, a religiosa diz ser necessário fortalecer as famílias e aprofundar a evangelização, no sentido de se suscitar, no seio familiar e na juventude, o gosto pelo serviço e a entrega ao Senhor em prol do bem dos outros.

A Madre Cavati apela aos Consagrados que sejam sinal de esperança neste momento difícil de COVID-19. 

30 abril 2020, 09:42