Busca

Vatican News
Logo da Viagem Apostólica do Papa Francisco a Moçambique Logo da Viagem Apostólica do Papa Francisco a Moçambique 

UCM promove palestra “Papa Francisco, Peregrino de Esperança, Paz e Reconciliação”

A Universidade Católica de Moçambique (UCM) promoveu nesta sexta-feira (9) em Maputo, uma palestra sobre a visita do Papa Francisco ao País, de 4 a 6 de setembro próximo. O evento enquadra-se no âmbito dos preparativos da visita do Santo Padre a Moçambique.

Hermínio José – Maputo, Moçambique

Entre os participantes, destacam-se o Encarregado de Negócios da Nunciatura Apostólica, Pe. Cristiano Antoniett e o académico moçambicano, Brazão Mazula.

Oiça aqui a reportagem e partilhe:

Durante a Conferêcia foram abordados três temas, todos convergindo na figura do Papa Francisco e na Paz e Reconciliação em Moçambique. O encarregado de Negócios da Nunciatura Apostólica foi um dos oradores e felicita a Universidade Católica de Moçambique pela iniciativa.

Brazão Mazula apela à cultura de paz

O académico Brazão Mazula, professor catedrático moçambicano e antigo Reitor da Universidade Eduardo Mondlane, defende que é preciso que se crie uma cultura de paz, a ser inculcada desde criança, inclusive nas escolas e universidades devem se introduzir temáticas sobre a paz, sugere Brazão Mazula.

Por seu turno, os participantes foram unânimes em afirmar que a palestra intitulada: Papa Francisco, Peregrino da Esperança, Paz e Reconciliação em Moçambique, foi bastante rica, a olhar pelos temas abordados.

UCM ao serviço da ciência e da Igreja

Entretanto, o vice-reitor da Universidade Católica de Moçambique (UCM), Armindo Tambo, justifica a realização da palestra como pretexto para promover e fazer conhecer a figura do Papa Francisco que em breve estará em Moçambique.

De referir que a palestra ora realizada na capital do País, pela Universidade Católica de Moçambique, é precedida por outras duas havidas nas cidades da Beira e Nampula, todas tendo como tema central: Papa Francisco, Peregrino de Esperança, Paz e Reconciliação em Moçambique.

10 agosto 2019, 11:19