Cerca

Vatican News
Marginal de Luanda, em Angola Marginal de Luanda, em Angola 

Turismo em África e turismo digital em debate no Forum da WTF na capital angolana

Angola acolhe de 23 a 25 de Maio o Fórum Mundial do Turismo (WTF, sigla em inglês), para promover o investimento e impulsionar o sector no País.

Anastácio Sasembele – Luanda, Angola

Além de reunir em Luanda os líderes da indústria do turismo a nível do mundo, o WTF vai abordar temas como “Turismo em África, Turismo digital ou informatizado, o papel do governo nas viagens de negócio, Porquê investir em Angola?, e  o segredo ou a história do sucesso dos destinos turísticos”, entre outros assuntos.

Oiça aqui a reportagem:

O evento, que vai reunir cerca de mil e quinhentos delegados, pode trazer oportunidades de investimentos nos sectores da Construção, Transportes, Energia e Águas e Agricultura e proporcionar a criação de empregos, pelo facto do Turismo ser uma indústria de investimento de paz e de lazer, bem como de oportunidades.

Turismo uma indústria para captar investimentos

A ministra angolana do turismo Ângela Bragança defende que na actualidade já não se olha para o turismo apenas como lazer, mas sim, como uma indústria para a captação de investimentos múltiplos.

Oportunidades e desafios para o turismo em Angola

A existência de um enorme potencial turístico nas 18 províncias de Angola é inequívoca, mas os grandes desafios do país, que se abre ao investimento privado, sobretudo no turismo, estão ligados à confiança, leis e infra-estruturas, condições indispensáveis para a atracção de operadores e cadeias turísticas internacionais.

Ângela Bragança disse ainda que Angola desdobra-se em mostrar uma nova realidade para o mundo de forma a atrair o investimento, esmerando-se na boa governação que tem à testa o combate á corrupção.

Turismo sustentável

O Fórum Mundial do Turismo é uma organização global que realiza eventos turísticos em diferentes partes do mundo a fim de impulsionar ainda mais o turismo global. Além disso, presta especial atenção à relação entre as tendências do turismo local e global, bem como, estratégias para um crescimento do turismo mais sustentável.

23 maio 2019, 15:45