Cerca

Vatican News
2019.03.02 D. Ildo Fortes - bispo de Mindelo, Cabo Verde 2019.03.02 D. Ildo Fortes - bispo de Mindelo, Cabo Verde 

Não se pode falar do trabalho de forma isolada - D. Ildo Fortes

Não se pode falar do trabalho de forma isolada e todos são responsáveis para que o sonho de um trabalho digno para todos possa ser uma realidade - afirmou o Bispo de Mindelo, D. Ildo Fortes, na abertura, neste dia 7, na cidade da Praia, do Seminário Regional sobre “O futuro do trabalho e a problemática do emprego jovem”.

Dulce Araújo - Cidade do Vaticano 

Não se pode falar do trabalho de forma isolada e todos são responsáveis para que o sonho de trabalho digno para todos possa ser uma realidade.

A ideia foi defendidaneste dia 7 de Maior, pelo Bispo da Diocese do Mindelo, Dom Ildo Fortes, na abertura do Seminário Regional sobre “O futuro do trabalho e a problemática do emprego jovem”, a decorrer na capital Caboverdiana, Praia.

Dom Ildo Fortes recorreu  - segunda a Emissora cristãs de Cabo Verde, Rádio Nova, à Bíblia e aos escritos do Papa Francisco para salientar que o trabalho torna possível o desenvolvimento da sociedade, o sustento da família e sua estabilidade.

Por outro lado, sublinhou  que o desemprego e a precariedade laboral geram sofrimento.

Oiça

Neste sentido salientou a necessidade de todos assumirem as suas responsabilidades para que o sonho de trabalho digno para todos possa ser uma realidade.

Oiça

A abertura do seminário foi presidida pelo Ministro do Estado e da Presidência do Conselho de Ministros, Fernando Elísio Freire, que aponta o emprego e sobretudo, o emprego jovem como a prioridade das prioridades do Governo.

Oiça

O Seminário Regional sobre “O futuro do trabalho e a problemática do emprego jovem” decorre na Biblioteca Nacional e é promovido pela Associação dos Gestores, Empresários e Profissionais Católicos de Cabo Verde (AGEPCCV), em parceria com a União Internacional Cristã de Gestores e Empresários  Africanos (UNIAPAC) e da OIT e o Governo de Cabo Verde.

A iniciativa traduz-se num diálogo inter-religioso com o objectivo de proporcionar aos jovens das várias confissões religiosas de África um espaço de reflexão conjunta, o emprego.

O Seminárioo conta ainda com a presença do Primeiro Ministro, Ulisses Correia e Silva e do Cardeal cabo-verdiano e Bispo da Diocese de Santiago de Cabo Verde, Dom Arlindo Furtado.

Fonte - Rádio Nova, Emissora cristã de Cabo Verde

 

07 maio 2019, 19:11