Cerca

Vatican News
D. Alberto Vera Arejula, Bispo de Nacala e Presidente Caritas Moçambique D. Alberto Vera Arejula, Bispo de Nacala e Presidente Caritas Moçambique  

Moçambique: Caritas intensifica resposta a comunidades desfavorecidas

A Cáritas moçambicana, o braço humanitário da Igreja Católica no país, reitera o seu apoio às comunidades desfavorecidas e seu fortalecimento na prevenção das calamidades naturais, principalmente cheias, ciclones e secas, que ciclicamente fustigam algumas regiões de Moçambique.

Hermínio José – Maputo, Moçambique

Com efeito, perante esta resposta de assistência às comunidades desfavorecidas, o presidente da Cáritas Moçambicana, Dom Alberto Vera, apela à unidade entre as cáritas diocesenas de todo o País para unirem esforços na resposta aos que sofrem.

Aumenta fosso entre ricos e pobres

Dom Alberto Vera afirma que em Moçambique aumentou o índice da pobreza, sobretudo nas zonas rurais, e em contrapartida aumentou a riqueza, mas só ao nível das elites políticas e financeiras, aumentando assim o fosso entre ricos e pobres no País.

Questionado sobre as principais acções do ano transacto, o presidente da cáritas Moçambicana destaca acções de prevenção aos riscos das calamidades naturais, cheias, seca e ciclones, saneamento do meio, fortalecimento das estruturas das cáritas ao nível das dioceses.

O pecado do individualismo

Entretanto, Dom Alberto Vera, presidente da Cáritas Moçambicana e igualmente Bispo da Diocese de Nacala, na província de Nampula, no norte de Moçambique, lamenta a tendência do individualismo no País, onde as pessoas não se preocupam com o sofrimento dos outros.

O presidente da Cáritas Moçambicana em entrevista ao Vatican News, em torno das acções levadas a cabo por este braço humanitário da Igreja Católica em Moçambique. Dom Alberto Vera foi recentemente nomeado Bispo da Diocese de Nacala, pelo Santo Padre, o Papa Francisco. 

Oiça aqui a reportagem e partilhe:

 

23 janeiro 2019, 14:59