Cerca

Vatican News
D. Gabriel Mbilingi, Arcebispo do Lubango (Angola) e Presidente do SECAM D. Gabriel Mbilingi, Arcebispo do Lubango (Angola) e Presidente do SECAM 

Eleições RDC. “Não à violência, aceitar resultado com paz e esperança”: Presidente SECAM

Numa altura em que começam a ser divulgados os resultados provisórios das eleições presidenciais na República Democrática do Congo (RDC), o Presidente do Simpósio das Conferências Episcopais de África e Madagáscar (SECAM) apela as autoridades e aos cidadãos congoleses a não recorrerem a violência e a aceitar o resultado eleitoral com espírito de paz e esperança.

Anastácio Sasembele – Luanda, Angola

Dom Gabriel Mbilingue sublinha que as questões de paz e harmonia entre os povos são de grande preocupação para a Igreja Católica, razão pela qual, os bispos da RDC criaram um escrutínio paralelo, e realça os avanços já dados.

Já estabelecidas instituições democráticas

“As instituições estão estabelecidas e são democráticas, daí a necessidade de se velar para que o processo decorra sem sobressaltos” - acrescenta Dom Gabriel Mbilingue.

Paz na RDC significa paz em Angola

A RDC partilha uma longa fronteira terrestre com a República de Angola, o também arcebispo do Lubango/Angola considera que havendo paz na RDC, Angola também beneficia, por este ser, o primeiro palco de refugiados congoleses, atitude que, por um lado, tem outras consequências como a prática de actos ilegais no País.

Oiça aqui a reportagem e partilhe:
10 janeiro 2019, 15:38