Cerca

Vatican News
Joana Lina e Bispos da CEAST Joana Lina e Bispos da CEAST 

“Inequívoco e marcante papel da Igreja em Angola”: Governadora Joana Lina

A Igreja Católica tem, deste sempre, desempenhado um papel inequívoco e marcante na formação académica e profissional dos angolanos, reconheceu neste domingo (16/12), no Huambo, a governadora da província, Joana Lina.

Anastácio Sasembele – Luanda, Angola

A construção de escolas, centros médicos, além de outras infra-estruturas indispensáveis para a melhoria da qualidade de vida da população, são realizações que marcam este empenho, segundo a governante que falava na missa de apresentação do novo arcebispo metropolita do Huambo, Dom Zeferino Zeca Martins.

Igreja Católica parceira privilegiada do Estado

Para si, a responsabilidade da Igreja Católica, enquanto parceira privilegiada do Estado, não se restringe apenas na divulgação do Evangelho, mas também na formação de homens e mulheres com presença determinante no desenvolvimento económico e social do país.

Acção da Igreja na educação, saúde e bem estar das pessoas

Reconheceu ainda que Igreja tem construído escolas para possibilitar a inserção de mais crianças no sistema de ensino, centros médicos para auxiliar o Governo na melhoria da assistência médica e medicamentosa da população, além de outras infra-estruturas indispensáveis para a melhoria da qualidade de vida da população.

Arquidiocese do Huambo e formação de sacerdotes

 Joana Lina fez questão de lembrar que a arquidiocese do Huambo tem grande importância no domínio da formação de sacerdotes e demais servos do Senhor, razão pela qual, pretende prestar todo apoio e colaboração ao seu novo pastor, Dom Zeferino Zeca Martins, para que a província continue a ter famílias comprometidas com o amor ao próximo.

Oiça aqui a reportagem e partilhe:
20 dezembro 2018, 11:16