Versão Beta

Cerca

Vatican News
Prigione Prisão 

Moçambique: cresce número de jovens nas prisões do país

A Procuradoria-Geral da República de Moçambique, mostra-se preocupada com o facto de os jovens constituírem a maioria da população reclusória no país.

Hermínio José - Maputo

Segundo, a Procuradora-Geral da Republica, a superlotação que se verifica nas penitenciárias, deve-se ao crescente número de jovens naqueles estabelecimentos prisionais.

Subiu nível de superlotação nas cadeias

Ate 31 de Dezembro de 2017, o efectivo da população prisional era de 18.185 internos, contra 18.182 do período anterior. Contudo, a capacidade dos estabelecimentos prisionais no país, e de 8. 188 internos. Entre as causas da superlotação das penitenciárias, estão a fraca aplicação das penas alternativas a prisão, a reduzida capacidade de internamento dos estabelecimentos penitenciários, afirma a Procuradora-Geral da Republica, Beatriz Buchile.

Evasão de reclusos envolvendo guardas prisionais

Entretanto, em 2017, a Procuradoria-Geral da Republica, registou evasão de 198 reclusos, facto que contou com o envolvimento dos guardas penitenciários. E Já há agentes da guarda penitenciária que viram processos contra si instaurados. 

Procuradoria-Geral da Republica, Beatriz Buchile, falando em torno da situação prisional no país, sobretudo da superlotação nas penitenciárias e o crescente número de jovens nos estabelecimentos penitenciários em Moçambique.

Oiça...

 

 

11 julho 2018, 12:36