Vatican News
Bênçãos do alto com o Santíssimo foram concedidas em diversos países, como Brasil, Panamá, República Dominicana, entre outros Bênçãos do alto com o Santíssimo foram concedidas em diversos países, como Brasil, Panamá, República Dominicana, entre outros  (AFP or licensors)

Do alto, a bênção de bispo chileno aos habitantes atingidos pela crise

“Sou um homem de fé, católico, e não só tenho o direito, mas também o dever de dirigir-me a Deus para nos iluminar diante do o que está além de nossas forças. Uno-me às palavras de São Paulo: 'Ai de mim se não evangelizar", disse Dom Fernando Chomali.

Vatican News

Ouça e compartilhe!

Diante da grave crise sanitária, econômica, política e social em que se encontra o Chile, o arcebispo de Concepción, Dom Fernando Chomali, sobrevoou no domingo, 24, por cerca de 20 minutos, as localidades de Concepción, Lirquén , Tomé, Chiguayante e Hualqui, abençoando seus habitantes.

“Fiz isso em meio a uma situação dramática em que o coronavírus atingiu milhares de nossos irmãos, e muitos outros se encontram entre a vida e a morte”, explica o arcebispo em nota enviada à Agência Fides. “Neste ato religioso e missionário, autorizado pelo Exército Chileno, pela Secretaria Geral do Ministério de Governo e pelo Ministério da Saúde, pedi a Deus que cuidasse, abençoasse e desse forças aos habitantes, especialmente aqueles que passam por graves dificuldades de todo tipo".

“Foi um momento de oração muito profundo, graças à generosidade de um piloto experiente que - com todas as autorizações necessárias e cumprindo todas as normas sanitárias - me ofereceu esta oportunidade. Também pedi a Deus que afastasse o espírito do mal daqueles que não respeitam à lei, que não obedecem às autoridades, que não se preocupam com o bem comum, que acreditam que a vida seja apenas diversão e não sabem o que significa sacrificar-se pelos demais, que organizam festas clandestinas – e, portanto, ilegais - e que espalham o vírus por toda parte, arriscando a própria vida e a de outrem”.

Segundo a Bíblia, alguns tipos de males são afastados apenas com a oração e o jejum, por isso o arcebispo explica que “a Igreja Católica está se adaptando aos tempos, inovando métodos e expressões: não podemos nos reunir para rezar, fazemos isso por meio de plataformas digitais. Não podemos acolher em nossas igrejas quem quer uma bênção, vamos até eles pelas redes e, quando podemos, do céu, do mar e da terra”.

Por fim, Dom Chomali assegura: “Continuaremos a abençoar e promover o bem comum de acordo com os tempos que temos que viver e com nossas obras sociais, que nos enchem de esperança. Continuaremos a exortar as pessoas a respeitarem estritamente as normas de saúde e, se não ouvem, continuaremos a recorrer a Deus com a oração, para que mude seu coração de pedra”.

Aos que ficaram perplexos, ou até mesmo incomodados com a bênção, o arcebispo recorda: “Sou um homem de fé, católico, e não só tenho o direito, mas também o dever de dirigir-me a Deus para nos iluminar diante do que está além de nossas forças. Uno-me às palavras de São Paulo: 'Ai de mim se não evangelizar!'".

Por fim, o prelado convida todos os habitantes da região a estarem motivados nas próprias atividades, a empenharem-se, a serem criativos, a correrem riscos, a encorajar, porque “só assim avançaremos como sociedade”.

Agência Fides – SL

28 janeiro 2021, 10:18