Busca

Vatican News
Padre Augusto Zampini (Cns) Padre Augusto Zampini (Cns) 

Zampini nomeado secretário adjunto do Dicastério para o Desenvolvimento humano

O Papa Francisco designou o sacerdote argentino que no dicastério se ocupava de economia e finança, trabalho e movimentos sociais, povos indígenas e paz.

Vatican News

Na última quarta-feira, 8 de abril, o Papa Francisco nomeou o padre Augusto Zampini, 50 anos, secretário adjunto do Dicastério para o Desenvolvimento humano integral, como estreito colaborador do cardeal Peter Turkson. O Dicastério, criado em 2016, é chamado a colaborar com o Papa na promoção do desenvolvimento integral do homem à luz do Evangelho, através do cuidado da justiça, da paz, da salvaguarda da criação, e preocupa-se também com a proteção da saúde, obras de caridade, migrantes. A notícia foi publicada pela Sala de Imprensa da Santa Sé.

Numa entrevista publicada dias atrás, o Papa, respondendo a uma pergunta sobre como vive esta emergência do Covid-19, disse: "Penso nas minhas responsabilidades atuais e no que virá depois". Qual será o meu serviço como bispo de Roma, como chefe da Igreja? O depois já começou a revelar-se trágico, doloroso, e é por isso que é preciso pensar já, agora. Através do Dicastério para o Desenvolvimento humano integral foi organizada uma comissão para trabalhar nesta matéria, que se reúne comigo".

O perfil do secretário adjunto

O Padre Augusto Zampini-Davies nasceu em Buenos Aires, em 25 de julho de 1969 e foi ordenado sacerdote na diocese de San Isidro, província de Buenos Aires, em 22 de outubro de 2004. Antes de entrar no seminário, estudou Direito na Universidade Católica da Argentina (1987-1993), e depois trabalhou como advogado no Banco Central da Argentina e no escritório internacional Baker & McKenzie (1993-1997).

Como sacerdote, serviu em várias paróquias e instituições na Argentina e Inglaterra, incluindo Nuestra Señora de Fátima (Dique Lujan, Tigre); Nuestra Señora de La Guardia (Florida, Vicente López); Santa María del Camino (Bajo Boulogne); Nuestra Señora de Fátima (Olivos), San Juan Bautista (Bath) e Santos Apóstolos (Londres).

Formado em Teologia Moral no Colégio Maximo, Universidad del Salvador (2004-2006), obteve um Mestrado em Desenvolvimento Internacional (University of Bath, 2009-10, Chevening Scholar), um doutorado em Teologia (Roehampton University, Londres, 2010-2014, Sacred Heart Scholar), e foi pesquisador pós-doutorado no Margaret Beaufort Institute, University of Cambridge (2013-2014, Cardinal Hume Scholar). A sua área de especialização é a teologia moral, com enfoque na economia e na ética ambiental.

É Honorary Fellow na Universidade de Durham (Reino Unido), na Universidade de Roehampton (Londres, Reino Unido) e na Universidade de Stellenbosch (África do Sul), e desde 2004 ensina em várias universidades na Argentina e no Reino Unido.

Após a criação do Dicastério para a Promoção do Desenvolvimento humano integral em 2017, o cardeal Turkson convidou o padre Zampini para ser o coordenador do desenvolvimento e da fé, uma área que trata de economia e finanças, trabalho e movimentos sociais, povos indígenas e paz, novas tecnologias. O Papa Francisco nomeou-o como um dos peritos do Sínodo para a Amazônia, realizado em outubro de 2019.

 

10 abril 2020, 10:08