Busca

Vatican News
Papa Francisco abençoa a Ir. Maria do Céu Pereira Papa Francisco abençoa a Ir. Maria do Céu Pereira  (© Vatican Media)

Há 70 anos no Vaticano, a serviço de sete Papas

O jornal L’Osservatore Romano publicou a história da Irmã portuguesa Maria do Céu Pereira, nascida em 1929. Para celebrar seus 90 anos, no dia 2 de dezembro, ela participou da missa celebrada pelo Papa Francesco na capela da Casa Santa Marta.

Cidade do Vaticano

Irmã Maria do Céu Pereira tem muitas histórias para contar ao longo dos seus 90 anos de vida. Ela nasceu em Azevo, Portugal, em 2 de dezembro de 1929 e é membro da comunidade das Franciscanas missionárias de Maria, que por desejo do Papa Pio XI desempenham suas atividades dentro do Vaticano.

Para celebrar seu aniversário, a Ir. Maria do Céu participou da missa celebrada pelo Pontífice na segunda-feira (02/12). Ao final da cerimônia, emocionada, recebeu os parabéns do Papa Francisco, que lhe fez votos para prosseguir avante sempre “com a alegria no coração”.

A missão mais bela

 A freira portuguesa conheceu sete Papas e revelou detalhes dessa convivência ao jornal L’Osservatore Romano. Quando Pio XII adoeceu, por exemplo, Ir. Maria do Céu cuidou de seus pertences pessoais. Já durante o Vaticano II, ia todas as manhãs à capela Paulina rezar pelo bom êxito do evento. A pedido de Paulo VI, assistiu durante anos, até a morte, o Cardeal Virgilio Noè.

"Sempre corri, será por isso que me sinto ainda jovem”, afirmou a freira, que durante esse serviço junto ao Vaticano trabalhou no Departamento filatélico, foi catequista na paróquia do Rosário e se ocupou da pastoral para a comunidade portuguesa em Roma, serviço que presta ainda hoje com grande entusiasmo.

"Mas a missão mais bela é rezar no silêncio pelo Papa e pela Igreja”, revelou . 

03 dezembro 2019, 10:44