Busca

Vatican News

Filoni: o Papa agradece pelo 'grande trabalho' do Mês Missionário Extraordinário

Convocado pelo Papa Francisco para outubro de 2019, o Mês Missionário Extraordinário foi celebrado no mundo inteiro em comunidades católicas, dioceses, paróquias, associações e grupos eclesiais. O tema central foi “Batizados e enviados: a Igreja de Cristo e missão no mundo”. O objetivo foi celebrar os 100 anos da Carta apostólica “Maximum Illud” do Papa Bento XV, bem como “reavivar o ardor missionário pela missão”, ressalta o cardeal Filoni

Cidade do Vaticano

“Ao término da celebração litúrgica presidida pelo Papa Francisco, por ocasião do Dia Mundial das Missões, em 20 de outubro passado, o Santo Padre, referindo-se ao Mês Missionário Extraordinário que estava em andamento, me disse: ‘Obrigado por todo o trabalho que vocês fizeram’. E era um agradecimento obviamente dirigido a todos, que abraça todas as direções nacionais das Pontifícias Obras Missionárias.”

Ouça e compartilhe!

Foi o que compartilhou o prefeito da Congregação para a Evangelização dos Povos, cardeal Fernando Filoni, em seu pronunciamento de abertura da Assembleia das Pontifícias Obras Missionárias, em andamento estes dias em Roma no Centro Internacional de Animação Missionária (CIAM).

Batizados e enviados: a Igreja de Cristo em missão no mundo

O Mês Missionário Extraordinário, convocado pelo Papa Francisco para outubro de 2019, foi celebrado no mundo inteiro em comunidades católicas, dioceses, paróquias, associações e grupos eclesiais. O tema central foi “Batizados e enviados: a Igreja de Cristo e missão no mundo”.

Reavivar o ardor missionário pela missão

O objetivo do Mês Missionário Extraordinário foi celebrar os 100 anos da Carta apostólica “Maximum Illud” do Papa Bento XV, bem como “reavivar o ardor missionário pela missão, a fim de que cada vez mais apaixonados por Jesus se possa seriamente apaixonar-se pela salvação da humanidade, redescobrindo a comum responsabilidade batismal proveniente da fé e que chama todos à santidade” – frisou o cardeal Filoni.

Mês Missionário Extraordinário confiado às Igrejas locais

A celebração do Mês Missionário Extraordinário foi confiada às Igrejas locais, nos cinco continentes, que promoveram orações, liturgias, testemunhos, de modo difuso e capilar. Para se ter uma ideia do fermento missionário no mundo inteiro, a agência missionária Fides publicou na segunda-feira (04/11) um Dossiê que traz as notícias mais significativas sobre a celebração do Mês Missionário Extraordinário.

(Fides)

05 novembro 2019, 14:16