Busca

Vatican News
Na visita, o Papa emérito lembrou em detalhes da sua viagem apostólica ao país em 2009 Na visita, o Papa emérito lembrou em detalhes da sua viagem apostólica ao país em 2009 

Bento XVI recebe visita dos bispos da República Tcheca

O encontro aconteceu na tarde desta segunda-feira (11) no Mosteiro Mater Ecclesiae, a residência do Papa emérito. Durante a visita, considerada “comovente” pelos bispos da República Tcheca, Bento XVI recordou detalhes da sua viagem ao país em 2009.

Andressa Collet - Cidade do Vaticano

O Papa emérito recebeu a visita dos bispos da República Tcheca na tarde desta segunda-feira (11) na sua residência no Mosteiro Mater Ecclesiae, situado dentro dos Jardins do Vaticano. Os representantes da Conferência Episcopal do país estão em Roma para participar da peregrinação nacional por ocasião dos 30 anos da Revolução de Veludo (17 de novembro a 29 de dezembro de 1989), que levou ao fim do comunismo na então Tchecoslováquia.

O secretário-geral, dom Stanislav Přibyl, através do site do episcopado, descreveu o encontro como “comovente” e declarou que o Papa emérito “recordou todos os detalhes da sua visita na República Tcheca, em 2009”, sobretudo, “todos os nomes e lugares”. O presidente da Conferência Episcopal, cardeal Dominik Duka, acrescentou que Bento XVI, “mesmo com a sua idade, está em boa saúde”.

A bênção do Papa emérito

Durante o encontro com o Papa emérito, os bispos presentearam Bento XVI com a cópia de um busto que o representa e que foi recentemente inaugurado na cidade de Stará Boleslav, região da Boêmia Central, em lembrança à viagem apostólica. Ao final da visita no Vaticano, depois de todos rezarem o Pai-Nosso, o Papa emérito concedeu a sua bênção.

30 anos da Revolução de Veludo

A peregrinação nacional por ocasião dos 30 anos da Revolução de Veludo termina nesta quarta-feira (13) e reúne de milhares de pessoas, além de uma delegação do Parlamento do país. Os três dias de atividades vão culminar com uma missa e também na Audiência Geral com o Papa Francisco.

Dom Jan Vokál, bispo de Hradec Králové, comentou que geralmente os jovens de hoje não dão o devido “valor à liberdade”. Assim, com essa peregrinação, os bispos querem recordar, sobretudo “às novas gerações, que a liberdade é um dom de Deus”.

A visita foi considerada "comovente" pelos bispos
A visita foi considerada "comovente" pelos bispos
12 novembro 2019, 13:53