Busca

Vatican News
Pe. Cremonesi, em missão em Mianmar Pe. Cremonesi, em missão em Mianmar 

Pe. Alfredo Cremonesi: novo Beato é exemplo moderno de atuação missionária

Na tarde deste sábado (19), na Catedral de Crema, norte da Itália, ao representar o Papa Francisco, o Cardeal Angelo Becciu, Prefeito da Congregação das Causas dos Santos, vai presidir a celebração eucarística de Beatificação do Padre Alfredo Cremonesi, mártir na antiga Birmânia.

Manoel Tavares - Cidade do Vaticano

Ouça a reportagem

Alfredo nasceu em Ripalta Cuerina, diocese de Cremona, em 16 de maio de 1902. Desde pequeno, foi acometido pela doença de linfatismo, que parecia levá-lo à morte em breve tempo. Pelo contrário, por intermédio de Santa Teresina do Menino Jesus, como ele mesmo afirma, ficou completamente curado.

Esta intervenção milagrosa suscitou no menino o desejo de tornar-se missionário, apóstolo do Evangelho entre os não cristãos.

Alfredo foi ordenado sacerdote, em 12 de outubro de 1924, e, durante um ano, foi professor no Seminário de Gênova. A seguir, realizando seu sonho, foi enviado como missionário a Taungngu, na Birmânia. Ao despedir-se de seus pais, disse-lhes: "nos vemos no Paraíso", pensando que nunca mais voltaria para casa, para seguir sua vocação de apóstolo do Evangelho. De fato, ele nunca mais regressou ao seu país.

Na Birmânia, Padre Alfredo enfrentou grandes dificuldades em seu trabalho pastoral. Durante a Segunda Guerra Mundial, foi transferido para Moshò, no norte do país, onde, por muito tempo, não tinha quase nada para comer. Por isso, correu, várias vezes, perigo de vida, mas nunca desanimou.

Em 1948, a Birmânia conquistou a independência da Inglaterra, o que desencadeou uma revolta armada, que durou anos.

Neste contexto, Padre Cremonesi foi brutalmente assassinado pelo exército do governo birmanês, durante um confronto armado na aldeia de Donoku, onde residia.

A Beatificação do Padre Alfredo Cremonesi, exemplo moderno de atividade missionária, realiza-se às vésperas da celebração do Dia Mundial das Missões, neste domingo (20/10), presidida pelo Papa Francisco na Basílica Vaticana, no âmbito do Mês extraordinário das Missões.

19 outubro 2019, 16:06