Cerca

Vatican News

A arte presente no Sínodo para a Amazônia nas obras de Mari Bueno

Os trabalhos da artista plástica Mari Bueno expressam as características Amazônicas através dos costumes indígenas, da fauna e da flora, e a inculturação na Arte Sacra.

Mariangela Jaguraba - Cidade do Vaticano

A Rádio Vaticano abriu um novo espaço com lives diárias dedicadas à realidade da Igreja na Amazônia no âmbito do Sínodo, em andamento, no Vaticano, sobre o tema “Amazônia: Novos caminhos para a Igreja e para uma ecologia integral”.

A arte também está presente no Sínodo para a Amazônia nas obras da artista plástica Mari Bueno especialista em Arte Sacra e Espaço Litúrgico e pós-graduada em Mariologia. Os seus trabalhos expressam as características Amazônicas através dos costumes indígenas, da fauna e da flora, e a inculturação na Arte Sacra.

Mari Bueno trouxe aos nossos estúdios alguns de seus quadros que estão expostos na Sala de Imprensa da Santa Sé até 27 de outubro, por ocasião do Sínodo para a Amazônia. Natural do Paraná, aos sete anos mudou-se para Sinop, no Mato Grosso, território amazônico.

Na entrevista vídeo, Mari fala como surgiu em sua vida o amor pela pintura, dos espaços litúrgicos pintados por ela, como os da Catedral do Sagrado Coração de Jesus e da Igreja de Santo Antônio, em Sinop, dos trabalhos em mosaico e vitrais, obras em que estão presentes elementos regionais, da cultura da região amazônica, uma inculturação entre Arte Sacra e os elementos da biodiversidade da Amazônia.

 

10 outubro 2019, 15:35