Busca

Vatican News
Conselho de Cardeais (Foto de arquivo) Conselho de Cardeais (Foto de arquivo)  (Vatican Media)

Conselho de Cardeais volta a reunir-se no Vaticano

Na última reunião, realizada em junho, tratou-se sobre a nova Constituição da Cúria Romana.

Cidade do Vaticano

Teve início na manhã desta terça-feira, 17, no Vaticano, na presença do Papa Francisco, a 31ª reunião do Conselho de Cardeais. Os trabalhos prosseguem até a próxima quinta-feira, dia 19.

Na reunião de junho, debatida a nova Constituição Apostólica sobre a Cúria Romana

 

No último encontro, realizado de 25 a 27 de junho, tratou-se novamente sobre a nova Constituição Apostólica cujo título provisório é “Praedicate evangelium”, como informado pelo secretário do Conselho dos cardeais, Dom Marcello Semeraro, no briefing na Sala de Imprensa da Santa Sé.

O importante documento pontifício irá substituir a atual Constituição Apostólica “Pastor Bonus” de São João Paulo II, em vigor desde 28 de junho de 1988.

A retomada missionária, fortemente desejada pelo Papa Francisco e já descrita na Evangelii Gaudium – havia explicado em junho Dom Semeraro – fica evidente no esboço do texto, em que ressoa o “ir e pregar em todo o mundo” presente no Evangelho de Marcos, que hoje, mais do que nunca, deve ser lido em um contexto de continua transformação no qual a Boa Nova deve ser anunciada.

Ouça a reportagem

O prelado também havia enfatizado a intensa atividade de consulta e escuta em relação à nova Constituição à qual seguirá a redação do texto definitivo a ser submetido ao Santo Padre para a aprovação final.

Quase todos os dicastérios da Cúria Romana – havia explicado Dom Semeraro – deram uma primeira resposta, fornecendo sugestões e contribuições, acolhidas favoravelmente pelo Conselho.

O esboço do texto foi enviado também aos presidentes das Conferências Episcopais nacionais, aos Sínodos das Igrejas Orientais, aos Núncios, às Conferências dos Superiores e das Superioras Maiores e a algumas Universidades Pontifícias que continuam a enviar as suas respostas.

Objetivos e composição do Conselho dos Cardeais

 

O Papa Francisco instituiu o Conselho dos Cardeais com o Quirógrafo de 28 de setembro de 2013, com o objetivo princial de coadjuvá-lo no governo na Igreja universal e com a missão de estudar um projeto de nova Constituição Apostólica sobre a Cúria. A primeira reunião teve lugar em 3 de outubro de 2013.

Atualmente o Conselho é composto por seis cardeais: cardeal coordenador Óscar Andrés Rodríguez Maradiaga, arcebispo de Tegucigalpa, cardeal Giuseppe Bertello, presidente do Governatorato do Estado da Cidade do Vaticano, cardeal Oswald Gracias, arcebispo metropolitano de Bombaim, cardeal Reinhard Marx, arcebispo metropolitano de Munique e Freising, cardeal Sean Patrick O'Malley, arcebispo de Boston e o cardeal secretário de Estado, Pietro Parolin.

Também tomam parte no Conselho Dom Marcello Semeraro, bispo de Albano, secretário, e Dom Marco Mellino, bispo titular de Cresima, secretário adjunto.

17 setembro 2019, 14:12