Vatican News
Jardins Vaticanos: na parte mais central, um pouco à direita (diante dos Museus Vaticanos), a Casina Pio IV, sede da Pontifícia Academia das Ciências Jardins Vaticanos: na parte mais central, um pouco à direita (diante dos Museus Vaticanos), a Casina Pio IV, sede da Pontifícia Academia das Ciências 

Mons. Dario Viganò nomeado vice-chanceler da Pontifícia Academia das Ciências

A Sala de Imprensa da Santa Sé anunciou que Monsenhor Dario E. Viganò foi nomeado pelo Papa Francisco Vice-Chanceler da Pontifícia Academia das Ciências e da Pontifícia Academia das Ciências Sociais, deixando assim o cargo de assessor do Dicastério de Comunicação. O prefeito, Paolo Ruffini, saudou Mons. Viganò.

Cidade do Vaticano

Com a nomeação do Papa, monsenhor Dario Eodardo Vigarò, ex-prefeito do Dicastério para a Comunicação, deixa seu último cargo como assessor do mesmo dicastério, para tornar-se vice-chanceler da Pontifícia Academia de Ciências e da Pontifícia Academia de Ciências Sociais, com competência específica para o setor de comunicação.

O prefeito Dicastério para a Comunicação, Paolo Ruffini, saudou a nova missão de monsenhor Viganò:

"No dia em que, por desejo do Papa, monsenhor Dom Dario Edoardo Viganò deixa o Dicastério para a Comunicação para exercer o cargo de vice-chanceler da Pontifícia Academia das Ciências e da Pontifícia Academia das Ciências Sociais, desejo agradecê-lo por sua grande contribuição humana e profissional a serviço do Santo Padre, da Santa Sé e de toda a Igreja, primeiro como prefeito e depois como assessor do Dicastério para a Comunicação.

Não era fácil a missão que, como primeiro prefeito do Dicastério, o Papa lhe havia confiado em 2015: prosseguir rumo a uma integração e gestão unificadas, no projeto editorial e na organização do organismo, das 9 realidades do Vaticano que em diferentes maneiras tratavam da comunicação.

Não foi fácil repensar o sistema de informação da Santa Sé, reorganizá-lo radicalmente para acompanhar os tempos, ao mesmo tempo em que valorizar a sua história.

Não foi fácil dar uma nova forma às coisas, criando um Dicastério.

O caminho foi portanto difícil, até mesmo conturbado; mas a reforma que no ano passado fui chamado a dar continuidade, sucedendo a monsenhor Viganò após sua renúncia, com a nomeação dos expoentes da Direção Editorial e a integração do L’Osservatore Romano no sistema de comunicação do Dicastério, chega agora a sua etapa final.

Neste ano transcorrido juntos, sempre pude contar com o apoio e a amizade de monsenhor Viganò, a quem agradeço também por seu estilo, a confidencialidade e disponibilidade.

Hoje que o Santo Padre pede a você - valorizando sua história acadêmica de estudioso de Comunicação, Economia e Doutrina Social da Igreja – para exercer outro importante serviço à Igreja e à Santa Sé, como vice-chanceler naquele que Pio XI chamou de "Senado dos Sábios", ao monsenhor Dario Edoardo Viganò, somam-se nossos agradecimentos aos mais sinceros augúrios de todo o Dicastério".

31 agosto 2019, 12:00