Vatican News

Dia da Vida Consagrada: voltar ao amor primeiro

O Prefeito da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica, Cardeal João Braz de Aviz, concelebra com o Papa na tarde de sábado e comenta encontro do Pontífice com os consagrados no Panamá.

Bianca Fraccalvieri – Cidade do Vaticano

Por ocasião da festa da apresentação do Senhor ao Templo, o Papa Francisco preside na tarde do dia 2 de fevereiro à Santa Missa no XXIII Dia Mundial da Vida Consagrada, na Basílica Vaticana.

O evento será transmitido ao vivo pela Rádio Vaticano/Vatican News, com comentários em português a partir das 17h30 locais (14h30 horário de Brasília).

Ouça a reportagem com a voz do Papa Francisco

O último encontro que o Papa teve com a vida consagrada foi no Panamá. Na Basílica da capital panamenha, Francisco denunciou o “cansaço da esperança”. Eis um trecho da homilia:

“O cansaço da esperança nasce da constatação de uma Igreja ferida pelo seu pecado e que, muitas vezes, não soube escutar tantos gritos nos quais se escondia o grito do Mestre: ‘Meu Deus, porque me abandonaste?’”

“É um cansaço paralisador”, disse o Papa, que coloca também “em dúvida a própria viabilidade da vida religiosa no mundo de hoje”.

O Prefeito da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica é o Cardeal João Braz de Aviz, que concelebra com o Papa na tarde de sábado.

Dom João faz um comentário a respeito da homilia do Pontífice aos consagrados no Panamá, destacando que é preciso “voltar ao ideal do amor primeiro”. Ouça acima a reportagem completa.

 

01 fevereiro 2019, 10:09