Versão Beta

Cerca

Vatican News

Indígenas brasileiros trazem sua voz ao Vaticano

Evento ‘Metas do Desenvolvimento Integral e Povos Indígenas’, na Academia de Ciências Sociais, é ocasião para apresentar o Sínodo Pan-amazônico e dar visibilidade à questão indígena.

Cristiane Murray – Cidade do Vaticano

Indígenas do Brasil, em especial do Amazonas, estão participando nos dias 27 e 28 de junho do evento ‘Metas de Desenvolvimento Integral e Povos Indígenas’, promovido pelo movimento ‘Ética em Ação por um Desenvolvimento Sustentável e Integral’. O encontro, reunindo líderes religiosos, teólogos, acadêmicos, empresários e profissionais do setor do desenvolvimento integral, se realiza na Casina Pio IV, sede da Pontifícia Academia das Ciências, no Vaticano.

Sínodo Pan-amazônico e ação da Igreja em destaque

Depois da apresentação do arcebispo Dom Marcelo Sanchez Sorondo, Presidente da Academia, o economista Jeffrey Sachs, professor e analista do desenvolvimento global, fez um acompanhamento dos encontros anteriores. A seguir, o cardeal italiano Lorenzo Baldisseri, Secretário-geral do Sínodo dos Bispos, fez um painel ilustrando o Documento Preparatório do Sínodo Pan-amazônico, e deu relevância à presença e ação da Igreja Católica junto aos povos indígenas na Amazônia.

Estão participando deste evento indígenas do Brasil e de modo especial, do Amazonas. Os povos do Rio Negro estarão representados por Marivelton, da etnia Baré, atual presidente da FOIRN - Federação das Organizações Indígenas do Rio Negro. Ele traz ao Papa Francisco uma carta da Diocese de São Gabriel da Cachoeira e um presente oferecido pelo bispo, Dom Edson Damian.
Confira acima o seu testemunho ao Vatican News.

 

27 junho 2018, 14:28