Vatican News
Catedral de Santa Maria em Tóquio Catedral de Santa Maria em Tóquio  (©Yusei - stock.adobe.com)

O Papa no Japão com o lema “Proteger toda a vida”

Neste sábado, 23 de novembro, ao chegar em Tóquio o Papa Francisco inicia a segunda parte da sua viagem apostólica. Seu programa no Japão será muito intenso e centralizado particularmente nos valores da vida

Adriana Masotti – Tóquio

Ao chegar no Japão, uma intensa programação espera o Santo Padre. Depois do encontro com os bispos na Nunciatura Apostólica, ainda neste sábado (23), seguirá uma série de compromissos até terça-feira (26). Entre outros, encontrará as vítimas do desastre de Fukushima; os jovens na Catedral de Santa Maria; fará uma visita privada ao imperador Naruhito na sua residência; Missa no Palácio de Esportes Tóquio Dome e encontro com as autoridades na sede governamental de Kantei. Por fim, como última etapa da sua viagem, fará uma visita à Sophia University administrada pelos jesuítas.

Ouça e compartilhe!

No centro da visita as mensagens de paz

No domingo (25) o Papa irá de avião até Nagasaki e Hiroshima, conhecidas pelos dois bombardeios atômicos de 1945. Nestas duas etapas que se concentra a atenção da mídia e da opinião pública internacional. O lema escolhido para a viagem é significativo: “Proteger toda a vida”, e é uma mensagem particularmente importante para a sociedade japonesa.

A espera em Tóquio

Na capital do Japão não se vê externamente nenhum sinal da chegada do Papa, a não ser nas proximidades dos lugares de encontro, e é natural em uma metrópole, como em todo o país, onde os cristãos são uma pequena minoria. O padre espanhol Xavier Garralda, vigário da Igreja de Santo Inácio do Instituto universitário  explica: “Como jesuítas e como Igreja no Japão esperamos que o Papa possa falar quando estiver aqui, embora sejam temas delicados, sobre a abolição das armas nucleares e da pena de morte, ainda em vigor no Japão”. Mas, acrescenta por sua vez o padre jesuíta japonês Yosuke Sakai, “esperamos também uma palavra de encorajamento para nós e para os católicos, e principalmente de esperança para os jovens, muitas vezes concentrados unicamente no sucesso e nos bens materiais”.

O "The Japan Times" sobre o Papa

O jornal em inglês “The Japan Times” publica hoje uma foto do Papa Francisco na primeira página, recordando o seu “sonho juvenil de servir o Japão” e indica o pedido da abolição de armas nucleares como o primeiro objetivo da visita. O jornal dedica uma importante reportagem com fotos, entre as quais a da criança com seu irmãozinho morto nos braços depois da bomba atômica em Nagasaki. Fotos do Papa nos Emirados Árabes, em sua recente visita e também de João Paulo II que visitou o país em 1981. Também é recordado São Francisco Xavier, o primeiro missionário em terra japonesa. Atualmente, segundo algumas fontes, a influência do cristianismo vai além dos números, e há interesse e curiosidade por este Papa que vem de tão longe.

 

23 novembro 2019, 10:17