Busca

Vatican News

Francisco reza pelos migrantes mortos em ataque aéreo na Líbia

Depois da Oração Mariana do Angelus deste domingo (7), o Papa convidou todos a rezar pelas vítimas do ataque aéreo que fez dezenas de vítimas em um centro de detenção na Líbia na última terça-feira (2). As orações também foram dirigidas às recentes tragédias no Afeganistão, Mali, Burkina Faso e Níger.

Andressa Collet – Cidade do Vaticano

Ouça a reportagem com a voz do Papa

O Papa Francisco, depois da Oração Mariana do Angelus deste domingo (7), ocasião em que normalmente faz a sua saudação aos grupos de fiéis e peregrinos que o acompanham na Praça São Pedro, convidou a rezar “pelas pobres pessoas indefesas mortas ou feridas pelo ataque aéreo que atingiu um centro de detenção de migrantes na Líbia”.

O ataque matou dezenas de migrantes

O ataque aconteceu na última terça-feira (2), matou ao menos 40 pessoas e deixou outras 80 feridas. Segundo fontes locais reportadas pelas agências internacionais de notícias, havia cerca de 120 pessoas no local.

“A comunidade internacional não pode tolerar fatos assim tão graves. Rezo pelas vítimas: o Deus da paz acolha os falecidos junto de si e ampare os feridos. Desejo que sejam organizados em modo amplo e coordenado os corredores humanitários para os migrantes mais necessitados.”

A oração do Papa a todas as vítimas

O Papa Francisco também lembrou e pediu orações pelas vítimas de outros países que também sofrem com a instabilidade, guerras e crises políticas:

"Recordo também todas as vítimas das tragédias que ocorreram recentemente no Afeganistão, Mali, Burkina Faso e Níger."

07 julho 2019, 13:13