Cerca

Vatican News

Francisco reza pelos migrantes mortos em ataque aéreo na Líbia

Depois da Oração Mariana do Angelus deste domingo (7), o Papa convidou todos a rezar pelas vítimas do ataque aéreo que fez dezenas de vítimas em um centro de detenção na Líbia na última terça-feira (2). As orações também foram dirigidas às recentes tragédias no Afeganistão, Mali, Burkina Faso e Níger.

Andressa Collet – Cidade do Vaticano

Ouça a reportagem com a voz do Papa

O Papa Francisco, depois da Oração Mariana do Angelus deste domingo (7), ocasião em que normalmente faz a sua saudação aos grupos de fiéis e peregrinos que o acompanham na Praça São Pedro, convidou a rezar “pelas pobres pessoas indefesas mortas ou feridas pelo ataque aéreo que atingiu um centro de detenção de migrantes na Líbia”.

O ataque matou dezenas de migrantes

O ataque aconteceu na última terça-feira (2), matou ao menos 40 pessoas e deixou outras 80 feridas. Segundo fontes locais reportadas pelas agências internacionais de notícias, havia cerca de 120 pessoas no local.

“ A comunidade internacional não pode tolerar fatos assim tão graves. Rezo pelas vítimas: o Deus da paz acolha os falecidos junto de si e ampare os feridos. Desejo que sejam organizados em modo amplo e coordenado os corredores humanitários para os migrantes mais necessitados. ”

A oração do Papa a todas as vítimas

O Papa Francisco também lembrou e pediu orações pelas vítimas de outros países que também sofrem com a instabilidade, guerras e crises políticas:

"Recordo também todas as vítimas das tragédias que ocorreram recentemente no Afeganistão, Mali, Burkina Faso e Níger."

07 julho 2019, 13:13