Cerca

Vatican News
Scholas Occurrentes Scholas Occurrentes  (Vatican Media)

Papa Francisco visita a sede das "Scholas Occurrentes"

O Santo Padre visitou na tarde desta quinta-feira a sede das "Scholas Occurrentes" no Palácio São Calisto, em Roma: lançou o projeto internacional "Programando para a Paz".

Silvonei José - Cidade do Vaticano

No final da tarde desta quinta-feira o Papa Francisco foi à sede das "Scholas Occurrentes" no Palácio São Calisto, em Roma, onde lançou o projeto internacional "Programando para a Paz", junto com especialistas em informática.

O objetivo da iniciativa é permitir que milhões de jovens aprendam a programar e a utilizar as novas tecnologias do ponto de vista ético e se comprometam com a busca da paz.

Durante o encontro, o Papa Francisco inaugurou em videoconferência o "Hub Tecnológico Scholas" na nova sede do Panamá.

Além disso, o Santo Padre dialogou por videoconferência com os jovens das três novas sedes de Scholas no Panamá, Portugal e Romênia e encontrou alguns estudantes que participaram de programas esportivos, artísticos e tecnológicos.

"Os jovens são hoje. Não quanto ou no futuro. Se pensarmos nisto sem encorajar a sua criatividade, teremos jovens domesticados, e mal domesticados”, disse o Papa Francisco dialogando com os vários grupos de jovens de diferentes partes do mundo no mundo. "Somente o protesto – advertiu o Papa Bergoglio -, não basta. Não se deve só protestar, mas também construir".

A Fundação “Scholas Occurrentes”, organização internacional criada pelo Papa Francisco em 13 de agosto de 2013, está presente em 190 países e é atualmente o maior movimento estudantil do mundo. A Fundação tem como objetivo principal a promoção da cultura da paz e do encontro e inclui escolas e redes educativas pertencentes a todas as confissões religiosas e realidades leigas, sejam públicas que privadas.

21 março 2019, 18:48